Geral

“É o samba do ministério louco”, diz Doria sobre mudança de orientação do Ministério da Saúde

Crédito: Divulgação

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), ironizou a mudança de orientação do Ministério da Saúde, que voltou atrás e disse para estados e municípios que reservem a segunda dose das vacinas contra a Covid-19. As informações são do UOL.

“É o samba do Ministério Louco. É um ministério que informa em um dia, pelo seu Ministro, que vai privilegiar a primeira dose em detrimento da segunda dose. E o mesmo Ministério, 72 horas depois, volta atrás”, disse Doria.

O Secretário de Saúde de São Paulo, Jean Gorinchteyn, disse que a mudança não afeta o cronograma de vacinação do estado, mas espera um posicionamento oficial do ministério.

A orientação para que estados e municípios utilizem todas as doses disponíveis foi divulgado pelo Ministro da Saúde, o general Eduardo Pazuello, durante reunião com prefeitos.

“Vamos acreditar em quem? No Ministro ou no Ministério? É o samba do Ministério louco. Num dia tem uma posição, no outro dia tem outra. Num dia tem vacina, outro dia não tem. Num dia tem seringa, no outro quer interditar estados que têm. É difícil administrar assim”, completou o governador.


+ Homem que vivia ‘casado’ com a própria filha é preso após polícia investigar agressão contra criança
+ Família de Schumacher coloca mansão à venda por R$ 400 milhões
+ Pão de Queijo: faça uma das receitas mais gostosas do Brasil



Veja também

+ Receita de bolinho de costela com cachaça
+ Cientistas descobrem nova camada no interior da Terra
+ Receita de panqueca americana com chocolate
+ Receita rápida de panqueca de doce de leite
+ Contran prorroga prazo para renovação da CNH
+ Receita de moqueca de peixe simples e deliciosa
+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Sucuris gigantes são flagradas em expedições de fotógrafos no MS