E agora, Bolsonaro, vai fazer o quê, covardão?

E agora, Bolsonaro, vai fazer o quê, covardão?

Dias atrás, diante daquele mini curral às portas do Alvorada, o amigão do Queiroz vociferou: “O Brasil está no limite. O pessoal fala que eu devo tomar providência, eu estou aguardando o povo dar uma sinalização”.

Pois bem, a gadolândia – aquela gente branca, bem alimentada, classe média, meia idade, cafona, rancorosa e com camisa da CBF – saiu às ruas, mais uma vez, para pedir o tão sonhado golpe militar.

Não são mais que 20% da população os imbecis que desejam uma ditadura sanguinária sob o comando do pai do senador das rachadinhas e da mansão de 6 milhões de reais, ainda que seja muita gente.

Porém, para o devoto da cloroquina e seu séquito mais próximo, esse é o “povo” brasileiro, e acreditam piamente que tendo essa horda da terceira idade ao seu lado podem promover uma ruptura democrática.

Pois bem. A autorização foi dada! E agora, Bolsonaro, vai fazer o quê, valentão? Colocar os tanques nas ruas ou o rabinho entre as pernas, como fez nas vezes anteriores? A resposta todos já sabemos, né, seu frouxo?


+ Mãe conta à polícia que ateou fogo e matou bebê por ‘vergonha’ de ter a gravidez descoberta
+ Após ameaças, soldada da PM denuncia coronel por assédio sexual
+ Youtuber é perseguido por jacaré de três metros: veja vídeo



Veja também

+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tenha também a Istoé no Google Notícias
+ Canadá anuncia primeira morte de pessoa vacinada com AstraZeneca no país
+ Yasmin Brunet comemora vitória de Gabriel Medina
+ Decifrado código dos Manuscritos do Mar Morto
+ Receita de panqueca americana com chocolate
+ Receita rápida de panqueca de doce de leite
+ Contran prorroga prazo para renovação da CNH
+ Receita de moqueca de peixe simples e deliciosa
+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Sucuris gigantes são flagradas em expedições de fotógrafos no MS


Sobre o autor

Ricardo Kertzman é blogueiro, colunista e contestador por natureza. Reza a lenda que, ao nascer, antes mesmo de chorar, reclamou do hospital, brigou com o obstetra e discutiu com a mãe. Seu temperamento impulsivo só não é maior que seu imenso bom coração.


Mais posts

Ver mais

Copyright © 2021 - Editora Três
Todos os direitos reservados.

Nota de esclarecimento A Três Comércio de Publicaçõs Ltda. (EDITORA TRÊS) vem informar aos seus consumidores que não realiza cobranças por telefone e que também não oferece cancelamento do contrato de assinatura de revistas mediante o pagamento de qualquer valor. Tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A Editora Três é vítima e não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças, informando aos seus clientes que todas as medidas cabíveis foram tomadas, inclusive criminais, para apuração das responsabilidades.