Cultura

Dwayne Johnson afirma que foi a ‘primeira escolha’ para apresentar o Oscar 2019

Dwayne Johnson declara que foi o primeiro nome escolhido para ser o apresentador da 91ª cerimônia do Oscar, que ocorrerá em 24 de fevereiro de 2019, com transmissão pela ABC. A afirmação foi feita pelo Twitter quando o ator respondeu a uma mensagem de um seguidor, que questionava sobre o assunto.

“Ah, cara, eu fui a primeira escolha deles (…) e meu objetivo era tornar o Oscar mais divertido de todos os tempos”, disse Johnson, antes de acrescentar que sua agenda de filmagem foi o que impediu de fazer a apresentação.

“Todos nós nos esforçamos muito, mas não conseguimos fazer isso, já que estou filmando Jumanji. A Academia e eu estávamos super chateados, mas talvez um dia”, afirmou.

Pela primeira vez em quase três décadas, o dia mais importante de premiação da indústria cinematográfica não terá um apresentador oficial. No início de dezembro, o comediante Kevin Hart anunciou que desistiu de apresentar a cerimônia.

O ator disse que não pretende ser uma distração para a premiação depois de gerar polêmica por conta de antigos tuítes com conteúdo considerado homofóbico. Após a desistência dele, a Academia não cogitou nenhum nome para substituí-lo.


+ Advogada é morta e tem corpo carbonizado no Rio de Janeiro
+ Morre Liliane Amorim, influencer de Juazeiro do Norte, após complicações da realização de lipoaspiração

Veja também

+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ 7 tendências de design de interiores que vão bombar em 2021
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel