Geral

Dólar tem leve alta; Bovespa sobe influenciada por exportações do aço

O dólar fechou o pregão desta quinta-feira (12) com alta de 0,08%, cotado a R$ 3,8841 na venda. A moeda norte-americana abriu a cotação do dia em queda de 0,73% – na abertura do dia anterior, a moeda registrava alta de 2%.

O Banco Central manteve a estratégia da última semana, sem efetuar nenhum leilão extraordinário de swap cambial (venda futura do dólar).

O índice B3 (Bolsa de Valores de São Paulo) registrou alta de 1,97%, com 75.867 pontos.

O destaque foi a alta valorização das empresas de siderurgia, influenciadas pelas notícias de aumento de exportações do aço para os Estados Unidos.

Os papéis da Usiminas subiram 8,63%; os da Gerdau, 5,64%; e os da Siderúrgica Nacional, 5,55%. As blue chips (ações com alta percepção de qualidade, liquidez e ganhos), como as da Vale (+3,32%), da Petrobras (+3,33%), do Bradesco (+2,24%) e do Itaú (+1,84%) acompanharam a tendência de alta registrada no fechamento do pregão.