Brasil

Divergências podem representar baixa de diretor no Ministério da Saúde em meio à pandemia

Crédito: Reprodução YouTube

Após discordâncias com a equipe da pasta da Saúde, no meio de uma pandemia do coronavírus, o diretor do Departamento de Imunização e Doenças Transmissíveis, Júlio Croda, está afastado do cargo. A medida soa contrário ao momento de esforços conjuntos do Ministério da Saúde contra o coronavírus.

Conforme apuração do jornal O Globo, Croda está de férias até o começo do próximo mês de abril. No entanto, seu retorno não deve acontecer, o motivo são divergências com seu superior, o secretário de Vigilância em Saúde do ministério, Wanderson de Oliveira.

Antes de se afastar do cargo, Júlio estava entre os responsáveis pelas diretrizes no combate ao Covid-19. Ele chegou a fazer parte de algumas coletivas do Ministério da Saúde para explicar as medidas contra o coronavírus.

Após os conflitos, somados ao momento de tensão causado pelo coronavírus, o médico infectologista foi convencido do afastamento.