Ediçao Da Semana

Nº 2742 - 12/08/22 Leia mais

Em uma coletiva de imprensa realizada na quinta-feira (17), Mano Brown falou sobre a segunda temporada de seu podcast “Mano a Mano”, que chega ao Spotify no dia 24 de março, e de política. Na sabatina, o rapper citou a ex-presidente do Brasil, Dilma Rousseff.

“Posso falar? Dilma é uma das mulheres mais injustiçadas da história do Brasil”, disse Brown, além de sair em defesa do ex-presidente Lula (PT), detacando as eleições presidenciais deste ano.

“Temos que tirar o Lula como exemplo do questionamento. O cara que teve quase 80% de aceitação e depois foi preso. Em dez anos, ele virou um ‘bandido’. Esse é o Brasil, memória curta. Temos que saber em que mundo a gente vive. Muitas vezes, é bélico, uma guerra ideológica. Algumas vezes, física mesmo”, opinou na ocasião.