ISTOÉ Gente

Devido a crise financeira gerada pela pandemia, Luan Santana demite funcionários

Crédito: Reprodução Instagram

Além de tirar muitas vidas, a pandemia do novo coronavírus está tirando também muitos empregos devido a crise financeira que a doença tem causado na população. Essa fase difícil chegou até a empresa do cantor Luan Santana que precisou demitir alguns de seus funcionários, por tempo indeterminado.

Com sua agenda de shows canceladas desde o início da quarentena, ele não conseguiu manter os empregados trabalhando normalmente.

A assessoria de imprensa do sertanejo divulgou uma nota falando sobre as demissões.

+ “Filho é um inferno e atrapalha”, diz Fábio Porchat sobre não querer ser pai

Veja a nota na íntegra:

“Em razão da pandemia decorrente do novo coronavírus e da paralisação dos shows por tempo indeterminado, os departamentos jurídico e administrativo de Luan Santana concluíram pela necessidade de encerrar os contratos com sua equipe de estrada, que envolve banda, técnicos e produção. Foram dispensados cerca de 20 colaboradores, que eram devidamente registrados e recebiam de acordo com a CLT. Foram garantidas todas as remunerações da equipe até 05 de agosto de 2020 e os acertos rescisórios compreendem todos os direitos previstos em lei, tais como férias, 13º salário, multa de 40% sobre o FGTS e entrega da documentação necessária para habilitação dos colaboradores no programa do seguro desemprego. Vale ressaltar que Luan Santana manteve a equipe de estrada por cinco meses, apesar da total paralisação dos shows e da queda drástica de faturamento”.

“E, com a esperança e o desejo de que o mercado artístico-musical se normalize o mais rápido possível, informa o intuito de priorizar futura recontratação de pessoas que já integram sua equipe.Foram dispensados cerca de 20 colaboradores, que eram devidamente registrados e recebiam de acordo com a CLT. Foram garantidas todas as remunerações da equipe até 5 de agosto de 2020 e os acertos rescisórios compreendem todos os direitos previstos em lei, tais como férias, 13º salário, multa de 40% sobre o FGTS e entrega da documentação necessária para habilitação dos colaboradores no programa do seguro desemprego.”

+ Polícia aborda ambulância com sirene ligada e descobre 1,5 tonelada de maconha

Veja também

+ A incrível história do judeu que trabalhou para os nazistas na Grécia

+ Teve o auxílio emergencial negado? Siga 3 passos para contestar no Dataprev

+ Caixa substitui pausa no financiamento imobiliário por desconto de até 50% na parcela

+ Novo Código de Trânsito é aprovado; veja o que mudou

+Jovem é atropelado 2 vezes ao tentar separar briga de casal em Londrina; veja o vídeo

+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel

+Vídeo mostra puma perseguindo um corredor em trilha nos EUA

+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago

+ 12 razões que podem fazer você menstruar duas vezes no mês

+ Por que não consigo emagrecer? 7 possíveis razões

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

+ Educar é mais importante do que colecionar

+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea