ISTOÉ Gente

‘Deselegante é não acreditar na pandemia’, diz Sandra Annenberg em desabafo político

Crédito: Reprodução/TV Globo

Sandra Annenberg (Crédito: Reprodução/TV Globo)

Sandra Annenberg deu um show de empatia e amor ao próximo na noite de sábado (24). Uma das convidadas do programa “Altas Horas”, da TV Globo, a jornalista foi questionada sobre o que é ‘Deselegante’ para ela, Annenberg aproveitou para fazer um desabafo político sobre a pandemia novo coronavírus.


“Deselegante é não acreditar na pandemia, nesse vírus. Ele existe e a gente não pode negar, a gente não pode fechar os olhos para ele. Deselegante é a gente não ter tido a vacina logo de cara. Deselegante é as pessoas cultivarem o ódio em um momento em que a gente está precisando de amor, e que as pessoas estão precisando de solidariedade, de ajuda, tem gente passando fome”, disparou ela.

E completou: “Deselegante é usar esse momento politicamente. Não é um momento político, é um momento de saúde, é a maior crise sanitária da história do mundo e a gente precisa sobreviver. É deselegante é fake news, é muito deselegante porque está lidando com vidas. Nossa, a lista é bem longa.”

Vale ressaltar que o termo ‘Deselegante’ vem de 2011. Quando ainda apresentava o “Jornal Hoje”, Sandra virou meme nas rede sociais após comentar um ataque sofrido por um repórter que estava numa entrada ao vivo no jornalístico. Revoltada com o ocorrido, ela disse “Que deselegante”.