Mundo

‘Desde Abraham Lincoln, nenhum presidente fez mais pelos negros que eu’, diz Trump em debate

Crédito: JIM WATSON, Brendan Smialowski / AFP

Donald Trump e Joe Biden durante o segundo e último debate presidencial antes das eleições (Crédito: JIM WATSON, Brendan Smialowski / AFP)

No último debate antes das eleições presidenciais dos EUA nesta quinta-feira (22), Donald Trump e Joe Biden fizeram uma disputa menos agressiva que a anterior, de 3 de novembro, marcada pelas inúmeras interrupções entre os dois candidatos.

Mas, apesar do tom mais civilizado entre os candidatos, ainda assim Trump e Biden protagonizaram momentos mais acirrados, especialmente quando trataram sobre a pandemia do novo coronavírus e quando o candidato republicano à reeleição acusou a família de Biden de enriquecer por meios questionáveis.

Sobre a pandemia, Trump, que teve a doença e chegou a ser internado para tratá-la, disse que a taxa de mortalidade dos EUA é menor que a de vários outros países, “uma das menores do mundo” comparada ao número de casos, ainda que os EUA sejam o país com o maior número de mortes pela Covid-19.

Biden lembrou que os EUA já registram mais de 22 mil mortes e disse que Trump, como responsável por essa questão, não deveria mais continuar na presidência, citando ainda a expectativa de que deverá haver mais 200 mil norte americanos mortos pela pandemia, e que Trump não possui um plano para evitar que elas aconteçam.

“Este é o mesmo sujeito que disse que tudo terminaria na Páscoa”, disse Biden. “Ele não tem um plano claro”, completou o candidato do partido Democrata.

Outro tema discutido no segundo e último debate entre os candidatos foi a Segurança Nacional, sendo lembradas as acusações feitas pelo Diretor de Inteligência do país, John Ratcliffe, de que Irã e Rússia estariam tentando interferir nas eleições.

Segundo Biden, caso ele seja eleito, qualquer país que tente interferir na soberania dos Estados Unidos pagará um preço por isso. O democrata ainda afirmou que Trump não enfrenta o presidente russo Vladimir Putin sobre esse tema, e que seu amigo e advogado, o ex-prefeito de Nova York Rudy Giuliani, foi usado como um peão russo, e que nada aconteceu.

“Eu deixei bem claro que qualquer país, não importa qual seja, se interferir nas eleições americanas, irá pagar um preço. Está muito claro nesta eleição: a Rússia esteve envolvida, a China em algum grau, e nós descobrimos agora que Irã também está envolvido e eles pagarão se eu for eleito”, disse Biden.

Trump acusou Biden de receber 3,5 milhões de dólares através do prefeito de Moscou, mas não detalhou a acusação, e também fez insinuações sobre Hunter Biden, filho de Joe, a quem o presidente americano acusa de ter negócios escusos na Ucrânia, e que teria sido favorecido pelo cargo do pai quando Biden era vice-presidente de Barack Obama.

Esse é um tema recorrente na disputa entre Biden e Trump, que passou por um processo de impeachment em 2019, que não foi adiante no Senado, por supostamente pressionar o presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelenski, a investigar Joe e Hunter Biden.

Quando o tema a ser debatido foi racismo, o presidente Donald Trump disse que “desde Abraham Lincoln, nenhum presidente americano fez mais pelos negros do que eu” e ainda chegou a dizer que entre todas as pessoas presentes ali, ele era o menos racista.

Biden relembrou situações em que Trump teve atitudes racistas, como quando acusou o México de enviar traficantes e estupradores aos EUA ou quando ofendeu militantes do movimento Black Lives Matter, e ironizou: “O Abraham Lincoln aqui é um dos presidentes mais racistas que tivemos na história moderna.”

Veja também

+ Homem salva cachorro da boca de crocodilo na Flórida
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ MasterChef: Fogaça compara prato com comida de cachorro
+ Cirurgia íntima: quanto custa e como funciona
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel