Saúde da mulher

Derrubando os tabus sobre tratamentos íntimos

Crédito: Pixabay

Atualmente existe uma variedade de tratamentos para cuidar da pele, do corpo, dos cabelos, entre outros, e que se tornaram comuns no nosso dia a dia. Fazer limpeza de pele, clareamento dos dentes, aquela gordurinha localizada que você trata com uma massagem, entre outros, que colaboram para cuidarmos da nossa saúde e da beleza. Porém ainda pouco se fala sobre os tratamentos íntimos.

Leia mais

Câncer de pele: 9 coisas que você provavelmente não sabe
Orgasmo cerebral: saiba o que é e se você já teve um
Estudo diz que hipotálamo de mulheres que usam pílula anticoncepcional é menor

Eles já são uma realidade no Brasil e vêm se tornando muito comuns. Podem ajudar tanto para questões de saúde e também como aliados para a estética.

Tabus

O assunto ainda é um tabu e acredito que isso se deve pelo simples fato de que falar da região íntima ainda é um bloqueio para a maioria da sociedade, é quase um assunto proibido. E isso afeta muitas pacientes, que muitas vezes sofrem uma vida inteira e têm sua autoestima abalada por algo que elas poderiam solucionar.

Quais são os tratamentos íntimos disponíveis?

Dentre os tratamentos íntimos existentes hoje no país, por exemplo, é possível tratar o escurecimento e envelhecimento da pele dessa região. O procedimento ajuda a mulher a de sentir mais confortável em usar um biquíni, por exemplo. Como todo o restante do corpo, essa parte passa por inúmeros processos e envelhece. Com os tratamentos íntimos você pode melhorar o aspecto se sentindo mais confortável e bem cuidada.

É importante deixar claro que se deve buscar clínicas especializadas em tratamentos íntimos. É uma região extremamente delicada e requer profissionais experientes para este tipo de tratamento.

Além disso, gosto de deixar claro também que as técnicas têm como objetivo ser um aliado da mulher, para ela se sentir ainda mais bonita e confortável com a região íntima e não uma obrigação.

*Fernanda Nassar é formada em Medicina pela Universidade Lusíada com especialização em Ginecologia e Obstetrícia e pós-graduação em Estética Intima Ginecológica.