Farol ISTOÉ

Deputado quer contratar matador de aluguel

Crédito: Reprodução/TV Gazeta

O deputado estadual do Espírito Santo, policial da PM, Capitão Assumção, está contratando matador de aluguel. Além disso, o capitão Assunção acha que pode instituir a pena de morte no Brasil somente porque ele quer. Da tribuna da Câmara, ele ofereceu R$ 10 mil a quem matar o assassino de uma mulher de 25 anos. Isso quer dizer que, pela lei desse PM- deputado, o matador de aluguel, além de receber os R$ 10 mil, ficaria impune. É claro que a pessoa que assassinou a mulher tem de ser presa, julgada e condenada pelo Tribunal do Júri. Mas também é claro que esse PM-deputado tem de perder o mandato, tem ser preso e expulso da corporação. Incitar crime é crime. Oferecer dinheiro para homicida fazer o “trabalho” também é.