Ediçao Da Semana

Nº 2743 - 19/08/22 Leia mais

Vários membros da delegação do alemão Union Berlim, incluindo dirigentes, foram atacados na quarta-feira por pessoas que seriam torcedores do holandês Feyenoord em um restaurante em Roterdã (Holanda).

O incidente ocorreu na véspera da partida entre o clube de Berlim e o Feyenoord pela Liga Conferência, nova competição europeia de clubes.

Várias “dezenas de pessoas” atiraram cadeiras e copos na delegação da equipe da Alemanha, confirmou à AFP um porta-voz da polícia da cidade portuária holandesa.

Uma mulher da delegação alemã ficou levemente ferida na cabeça e teve que ser levada ao hospital, sendo liberada logo em seguida, informou a polícia.

Um dos agressores, um homem de 25 anos morador Roterdã, foi preso.

Segundo a imprensa holandesa, o presidente do Union Berlin, Dirk Zingler, estava com o grupo de 25 pessoas atacadas.

O Feyenoord pediu desculpas em um comunicado, atitude que o Union Berlin agradeceu no Twitter.

jcp/fbx/iga/lca