Esportes

Defesa de Notre Dame brilha com dois touchdowns em vitória no Soldier Fied contra Wisconsin

Partida foi especial para o programa de Indiana, pois o head coach Brian Kelly chegou a 106 vitórias, tornando-se o treinador com mais triunfos na história do programa.

Defesa de Notre Dame brilha com dois touchdowns em vitória no Soldier Fied contra Wisconsin

Com direito a duas pick six e um retorno de kickoff, #12 Notre Dame Fighting Irish (ACC) (4-0) arrasou com #18 Wisconsin Badgers (Big 10) (1-2) no Soldier Field, em Chicago, pela semana 4 do College. Uma vitória maiúscula no Shamrock Series por 41 a 13 e que tem um gosto especial para os “católicos”, já que o head coach Brian Kelly chegou a 106 vitórias, tornando-se o treinador com mais triunfos na história do programa.

Pelo Fighting Irish, Jack Coan terminou o jogo com 15/29 com 158 jardas e um touchdown. Mas o senior sofreu uma lesão no pé no fim do terceiro quarto e foi substituído pelo calouro Drew Pyne, que completou seis passes para 81 jardas e um touchdown. O wide receiver Kevin Austin Jr foi a principal arma no ataque com seis recepções para 76 jardas e dois touchdowns. O running back Chris Tyree também marcou em um retorno de kickoff.

Mas realmente quem dominou os holofotes foi a defesa, principalmente o cornerback Cam Hart. Ele teve duas interceptações na marcação homem a homem contra Kendric Pryor. Os linebackers Jack Kiser e Drew White retornaram duas pick six nos últimos minutos do jogo.

Graham Mertz teve uma tarde tenebrosa em Chicago. Foram 240 jardas, um touchdown e quatro interceptações, sendo que as três últimas foram na seguinte sequência: interceptação, field goal Notre Dame, pick six e pick six. Kendric Pryor foi o alvo mais acionado com seis recepções, sendo duas delas com interceptações para 69 jardas e um touchdown.

O jogo
​A defesa de Wisconsin começou forte o jogo e já na segunda jogada Matt Henningsen mandou Jack Coan para chão. Sack com perda de sete jardas que matou a campanha do Fighting Irish que devolveu a bola com Jay Bramblett. Graham Mertz, com a mão calibrada, acertou um torpedo de 22 jardas para Kendric Pryor que saiu pela linha de 25 do campo ofensivo. Os Badgers chegaram a end zone adversária, mas tiveram que ir para o field goal de 37 jardas com Collin Larsh, após passe incompleto para Jake Fergunson numa terceira para 6: 3 a 0.

Notre Dame teve a chance do empate no drive seguinte, Coan liderou bem sua tropa até a red zone, mas na linha de 12 jardas, em uma terceira descida, foi tentar resolver com as pernas e foi para o chão perdendo nove jardas. Jonathan Doerer entrou para o field goal, mas o kicker mandou o disparo de 39 jardas completamente torto, à direita do Y. Antes do fim do primeiro quatro, ainda ocorreram dois three and out rápidos para cada lado e Wisconsin sofreu um turnover on downs, na tentativa de corrida na quarta descida curta de Chez Mellusi, na última jogada.

No início do segundo quarto, o Fighting Irish teve nova campanha de mais de seis minutos. Nas cordas com uma terceira para 10 na linha de 48 do campo de defesa, Coan completou um passe de nove jardas para Michael Mayer, completando uma quarta descida curta. Após o timeout, Brian Kelly resolveu arriscar e foi bem sucedido, Kyren Williams renovou as descidas com o first down. O drive se desenvolveu até a linha de 30, e foi parado com um sack de CJ Goertz para perda de quatro jardas. Doerer voltou a campo e desta vez colocou a bola no meio do Y com um disparo de 51 jardas: 3 a 3.

A defesa de Notre Dame apareceu com Cam Hart que interceptou Graham Metz, o quarterback tentou um passe em direção a Pryor, que estava sob a marcação homem a homem de Hart. A bola ficou na linha de 41. O programa do Estado de Indiana respondeu da melhor maneira, Jack Coan soltou o braço e mandou um passe de 36 jardas para Kevin Austin Jr marcar o touchdown, 10 a 3 no placar. Após o touchdown, o jogo deu uma esfriada e tivemos mais três punts antes do primeiro tempo chegar ao fim no Soldier Field.

As primeiras duas campanhas do segundo tempo também terminaram com os ataques tendo de devolver a bolas após não passarem para o campo ofensivo. Os Badgers empataram o confronto com Pryor. O wide receiver teve uma jogada chave para a renovação das descidas com uma recepção de 15 jardas na linha de 11 e depois com uma rota in entrou na end zone: 10 a 10.



Depois, as defesas apareceram mais uma vez e forçaram quatro punts seguidos. Drew Pyne entrou no lugar de Coan, que foi para os vestiários com um problema na perna, sofreu um sack na primeira jogada do drive para perda de 13 jardas, sofrendo ainda um fumble de Rodas Johnson e recuperado por Jack Sanborn na linha de 48 do campo de defesa. Wisconsin não conseguiu aproveitar a viagem à red zone com o touchdown e Collin Larsh acertou chute de 27 jardas colocando 13 a 10 no placar em Chicago no início do último quarto. Mas o Fighting Irish castigou logo no kickoff. Chris Tyree ligou o turbo e atravessou o campo, 96 jardas até a end zone: touchdown e Notre Dame passou a frente novamente: 17 a 13.

placeholder

Os Badgers tentaram responder, mas acabaram sofrendo um fumble. Graham Mertz foi sackado por Jayson Demilola. A bola ficou viva e recuperada por Isaiah Foskey na linha de 46 do campo de ataque. Notre Dame aproveitou o turnover e ampliou a vantagem com um passe de 16 jardas de Drew Pyne para Kevin Austin Jr vindo numa rota post: 24 a 13 depois do extra point na “Cidade dos Ventos”.

Wisconsin cometeu outro erro em um momento crítico da partida. Após três passes incompletos de Mertz na linha de 34 do campo ofensivo, Larsh e os special teams entraram para tentar diminuir a diferença, mas o kicker dos Badgers errou o chute de 52 jardas. Após o punt de Notre Dame, a defesa dos católicos apareceu com Cam Hart que conseguiu sua segunda interceptação na partida, em novo passe afobado em direção a Pryor. O Fighting Irish ampliou com um chute de 37 jardas de Jonathan Doerer: 27 a 13. Como se não bastasse, Graham Mertz sofreu sua segunda interceptação seguida em um passe facilmente telegrafado por Jack Kiser que retornou 69 jardas até a end zone: pick six e 34 a 13 no placar.

Ainda deu tempo do quarterback dos Badgers sofrer sua segunda pick six no jogo. Mertz lançou um passe em direção a Pryor, o recebedor não segurou, e a bola ficou solta no ar. Drew White ficou com a posse e retornou 45 jardas para a end zone, segunda pick six e o massacre terminou: 41 a 13.

Saiba mais
+ Mãe de Medina compara Yasmin Brunet a ‘atriz pornô’ e colunista divulga conversa
+ Chamada de atriz pornô, Yasmin Brunet irá processar mãe de Gabriel Medina
+ Mulher divide marido com mãe e irmã mais nova: ‘Quando não estou no clima’
+ Em pose sexy, Cleo Pires afirma: "Amando essa minha bunda grande"
+ Médicos encontram pedaço de cimento em coração de paciente durante cirurgia
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Passageira agride e arranca dois dentes de aeromoça
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio