Agronegócio

Defensivos: Basf prevê mais de 30 projetos de pesquisa e desenvolvimento até 2030


São Paulo, 04/03 – A Basf prevê desenvolver até 2030 mais de 30 grandes projetos de pesquisa e desenvolvimento (P&D) para complementar sua oferta integrada de sementes, defensivos e serviços digitais. As inovações terão um potencial de vendas estimado em mais de 7,5 bilhões de euros, segundo nota da empresa, e devem contribuir para atingir o objetivo de aumentar em até 7% ao ano a oferta de soluções consideradas “sustentáveis”.

Segundo a empresa, a divisão de Soluções para Agricultura investe aproximadamente 900 milhões de euros em P&D anualmente. A companhia tem metas de sustentabilidade para seus negócios agrícolas até 2030 e, além de aumentar a participação de soluções sustentáveis nas vendas anuais, quer apoiar agricultores a reduzirem em 30% suas emissões de gases de efeito estufa por tonelada produzida. Também planeja fazer chegar tecnologias digitais a mais de 400 milhões de hectares de terras.

Em novembro de 2020, a Basf e a Bosch assinaram um acordo de joint venture, ainda sujeito à aprovação de autoridades antitruste, para comercializar soluções agrícolas inteligentes, como uma nova tecnologia que reconhece as plantas daninhas e permite aplicação precisa de herbicidas.

Veja também

+ Receita de bolinho de costela com cachaça
+ Descoberta no deserto do Kalahari leva a revisão da origem humana
+ Receita de panqueca americana com chocolate
+ Receita rápida de panqueca de doce de leite
+ Contran prorroga prazo para renovação da CNH
+ Vídeo: o passo a passo de como fazer ovo de Páscoa
+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Sucuris gigantes são flagradas em expedições de fotógrafos no MS