Esportes

Daniel Alves e Juanfran sinalizam vontade de jogar clássico contra o Santos

Crédito: Lucas Figueiredo/CBF

O lateral-direito Daniel Alves ainda não teve contato direto com o elenco e com a comissão técnica do São Paulo, mas já falou com alguns profissionais sobre a vontade de ficar à disposição até para o clássico com o Santos, no sábado. O mesmo desejo também foi sinalizado por Juanfran, lateral-direito espanhol anunciado no último domingo e que tem chegada prevista para esta quarta-feira.

Apesar da vontade da dupla, o São Paulo trata como improvável a presença dos reforços no clássico. Aos 36 anos, Daniel Alves atuou pela última vez no dia 7 de julho, quando o Brasil venceu o Peru e conquistou a Copa América. Dois anos mais novo, Juanfran fez seu último jogo em 18 de maio, pelo Atlético de Madrid, da Espanha. A comissão técnica adota cautela com a parte física dos reforços.

Há também as questões burocráticas. Ao contrário do que parece, a regularização de Daniel Alves é considerada mais complicada do que a de Juanfran. O brasileiro atuou por 17 anos na Europa e precisa ordenar sua documentação novamente com as leis do País. Já o espanhol necessita “apenas” retirar novos documentos.

Os dois reforços estavam livres no mercado após o fim da temporada europeia. Daniel Alves defendia o Paris Saint-Germain, da França, e assinou com o São Paulo até o fim de 2022, enquanto Juanfran era do Atlético de Madrid e fechou com o clube tricolor até o fim de 2020.

Novo camisa 10 do São Paulo, Daniel Alves começará a fazer os exames médicos e avaliações físicas hoje antes de ser apresentado oficialmente à torcida no Morumbi – Juanfran vestirá o número 20 no novo clube. Quando os dois jogadores estiverem disponíveis, a tendência é de que Daniel Alves seja utilizado no meio-campo, enquanto Juanfran jogue na lateral direita. O espanhol também pode atuar como zagueiro.

Possivelmente sem a dupla, o técnico Cuca tem à disposição o lateral-direito Igor Vinícius, que vem sendo titular. O volante Hudson foi para a reserva depois do pedido para voltar a atuar em sua posição de origem. Com duas semanas livres, o treinador ainda não esboçou o São Paulo para o clássico. Depois de enfrentar o Santos, o próximo compromisso do São Paulo será contra o Ceará, no dia 18 (domingo), também no Morumbi.

Veja também

+ Entenda como a fase crítica da pandemia de Covid-19 pode ter sido superada em SP
+ A “primavera das bikes” pós-pandemia vai chegar ao Brasil?
+ Após se aposentar da Globo, Sérgio Chapelin aparece com novo visual; veja
+ Nick Cordero morre aos 41 anos, vítima de complicações da Covid-19
+ Hamilton bateu de novo em Albon; veja memes da F1
+ Pandemia adia cirurgia e saúde de Schumacher piora
+ Ford Ranger supera concorrentes e é líder de vendas
+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Saiba em quais lugares o contágio pelo novo coronavírus pode ser maior