Finanças

Dado fraco sobre emprego nos EUA estimula apetite ao risco e juros recuam


O relatório de emprego nos EUA (payroll), que apontou criação de apenas 38 mil vagas de trabalho em maio, ante previsão dos analistas de 158 mil postos, esvaziou as apostas de alta nos juros norte-americanos em junho, favorecendo a queda dos juros futuros na BM&FBovespa. Ao término da sessão regular, o contrato de Depósito Interfinanceiro (DI) com vencimento em 2017 fechou em 13,565%, de 13,615% no fechamento de ontem, com 201.480 contratos. O DI janeiro de 2018 (314.015 contratos) fechou em 12,54% (mínima), de 12,66%, no ajuste anterior. O DI janeiro de 2019 terminou em 12,36%, também na mínima, de 12,56% no ajuste de ontem, com 180.015 contratos. Nos mais longos, o DI janeiro de 2021 recuou de 12,64% para 12,40%, com 129.660 contratos.

“Sem novidades mais fortes no campo político, o fator determinante foi o payroll, junto com outros indicadores fracos nos EUA, que tiraram a força do dólar, o que acaba influenciando a curva”, afirmou o operador de renda fixa da Lerosa Investimentos, Carlos Fernando Vieira.

O apetite pelo risco também foi alimentado pela percepção de que, com a manutenção do juros nos EUA no atual patamar, de 0,25% a 0,50%, por mais tempo, a liquidez para os mercados emergentes deve manter-se abundante, principalmente diante dos estímulos de liquidez adotados por outros grandes bancos centrais.

Veja também
+ Policial militar mata a tiros quatro pessoas em pizzaria de Porto Alegre
+ Mãe de Eliza Samudio diz que Bruno não paga pensão e que filho do goleiro se sente culpado pelo crime
+ Deputado dos EUA sugere mudar órbita da Lua para combater aquecimento
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Faustão é internado em hospital de SP
+ Após processar nora, mãe de Medina a acusa de ter destruído sua casa; veja fotos
+ Conheça a eficácia de cada vacina no combate à Covid-19
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Fondue de chocolate com frutas fácil de fazer
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago

Tópicos

taxas de juros