Geral

Criança de 2 anos passa por cirurgia após engolir 16 ímãs

Crédito: Divulgação/ GoFoundMe

Criança de 2 anos passa por cirurgia após engolir 16 ímãs (Crédito: Divulgação/ GoFoundMe)


Um menino de 2 anos precisou passar por uma cirurgia após engolir 16 imãs de um brinquedo na Flórida, nos Estados Unidos. Em entrevista à CNN, Hannah Arrington, mãe de cinco filhos, conta que o brinquedo, conhecido no Brasil como “neocube”, foi levado para casa pelo irmão mais velho de Konin no fim de abril.

Sheron Menezzes leva pontos após acidente doméstico

Bruno Viana é mais um jogador do Flamengo a fraturar dedo em acidente doméstico

Filha de 4 anos de jogador do Ituano morre após acidente doméstico

De acordo com os pais, assim que viram o objeto, eles decidiram jogar no lixo. No entanto, já era tarde demais, em meados de maio, Konin começou a sentir dores abdominais e foi levado ao pronto-socorro. Um exame de raio-x revelou o problema. “No raio-X, o médico mostrou uma linha que quase parecia um cabo de corrente”, disse Arrington.

Conforme os médicos, Konin engoliu 16 imãs que se uniram em seus intestinos, criando buracos do estômago até o cólon. Após o diagnóstico, o menino foi transferido para um hospital e passou por uma cirurgia de laparotomia.

“Ele fez a cirurgia e os médicos arrancaram quase um metro do intestino delgado”, contou a mãe da criança à CNN. Konin chegou a receber alta do hospital, mas precisou retornar nesta semana após apresentar perda de peso.

Segundo a mãe da criança, o filho foi diagnosticado com síndrome do intestino curto e agora está com um tubo de alimentação. Nas próximas semanas, o menino deve passar por novos exames.

De acordo com especialistas, engolir mais de um ímã pode fazer com que os objetos se atraiam dentro dos intestinos, fazendo buracos no abdômen que podem levar ao envenenamento do sangue. A Comissão de Segurança de Produtos de Consumo dos Estados Unidos já divulgou alertas de segurança sobre ímãs e o potencial perigo para as crianças, chegando a proibi-los por alguns anos até que os fabricantes pudessem comercializá-los novamente em 2016.

Veja também
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Nicole Bahls já havia sido alertada sobre infidelidade do ex-marido
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Chef playmate cria receita afrodisíaca para o Dia do Orgasmo
+ ‘Transo 15 vezes na semana’, diz Eduardo Costa ao revelar tratamento por vício em sexo
+ Mercedes-Benz Sprinter ganha versão motorhome
+ Veja fotos de Karoline Lima, novo affair de Neymar
+ Anorexia, um transtorno alimentar que pode levar à morte
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago