Esportes

CR7 recebe prêmio de melhor jogador da Série A

SÃO PAULO, 3 DEZ (ANSA) – O craque Cristiano Ronaldo, da Juventus, venceu nesta segunda-feira (2) em Milão, na Itália, o prêmio de melhor jogador da temporada passada da Série A. No entanto, o português foi criticado pela ausência na cerimônia da Bola de Ouro, em Paris, na França.   

Aos 34 anos, CR7 foi premiado pela ótima temporada que fez com a Velha Senhora, marcando 21 gols em 30 jogos e ajudando na conquista do oitavo Scudetto consecutivo da Juventus.   

“Vou tentar falar italiano. Tenho orgulho de ser considerado o melhor jogador da Itália. Agradeço aos meus companheiros de equipe e aos jogadores que votaram em mim. Depois de dois anos na Itália, posso dizer que é uma liga muito difícil. Agradeço a todos por votar em mim e espero que o próximo ano seja o mesmo”, afirmou o atacante.   

Ao mesmo tempo que CR7 recebia a premiação em Milão, o craque argentino Lionel Messi faturava em Paris a sua sexta Bola de Ouro da revista “France Football”. O português ficou em terceiro no prêmio do jornal francês, atrás do camisa 10 do Barcelona e do zagueiro Virgil Van Dijk, do Liverpool.   

Antes do início da premiação, Van Dijk ironizou a ausência de CR7 na cerimônia ao questionar um repórter se o português “era um concorrente”. A piada do holandês deixou furiosa a irmã do craque da Juve, Katia Aveiro, que respondeu o zagueiro nas redes sociais.   

“Caro Virgil, para onde tu vais, Cristiano Ronaldo já foi e já veio mil vezes. Vê lá bem, meu caro Virgil, que o Cristiano Ronaldo foi tricampeão no país onde tu já jogas há anos e ainda não conseguiste meter a mão na ‘lata’ [título da Premier League]”, escreveu Aveiro.   

O croata Luka Modric, ex-companheiro de CR7 no Real Madrid, criticou a ausência do português.   

“Ronaldo? Estou aqui porque o futebol é respeito, por isso vim dar o prêmio a Messi e parabenizá-lo. Quando você não vence, você tem que estar lá para mostrar respeito. O futebol é isso e eu estou aqui para celebrá-lo. Eu dei o prêmio a ele e o parabenizei”, explicou Modric.   

Messi conquistou a sexta Bola de Ouro da carreira, ultrapassando CR7, que venceu cinco vezes a premiação.(ANSA)