Geral

Coveiro leva facada ao separar briga de família durante enterro

Crédito: Divulgação/Prefeitura de Araçatuba

Um coveiro, de 46 anos, ficou ferido após tentar impedir que um homem atacasse os próprios parentes com uma faca durante um sepultamento em Araçatuba, em São Paulo.

Segundo a Polícia Civil, um comerciante foi ao enterro da tia para conversar com os irmãos e outros familiares sobre a herança de R$ 200 mil em dinheiro e um automóvel. O diálogo, contudo, virou uma briga cheia de ameaças.


De acordo com o coveiro, iniciou-se uma discussão entre o comerciante e os presentes. O suspeito perdeu a paciência e ameaçou os parentes com uma faca. Na tentativa de apaziguar as emoções, a vítima acabou sendo ferida pelo homem.

Pessoas que presenciaram a cena, acionaram a Guarda Municipal de Araçatuba, que foi até o local para atender a ocorrência. Na chegada ao local, os agentes encontraram a vítima sangrando e ele foi levado ao Pronto Socorro para atendimento.

Os policiais apreenderam a faca utilizada na ação. O comerciante responsável pela agressão se apresentou à polícia e prestou esclarecimentos sobre o caso. O homem foi liberado e responderá em liberdade. Um inquérito foi aberto e o suspeito poderá ser indiciado por lesão corporal.

Márcio de Oliveira, investigador responsável pelo caso, explicou ao UOL que não será avaliada a questão da herança no inquérito. “Na parte penal não vamos entrar no mérito da herança, mas vamos investigar se essa foi a causa do entrevero, de fato”, disse.

A administradora do cemitério afirmou que o coveiro está bem. “Hoje levei ele para fazer o exame no IML e ele vai ficar sete dias descansando”, finalizou.