A nota enviada anteriormente contém um erro na ficha técnica. Segue a versão corrigida:

Em ano de reconstrução após o rebaixamento, o Santos estreou com o pé direito na Série B e bateu o Paysandu em casa por 2 a 0, com gols de Pedrinho e Guilherme. O jogo, disputado na Vila Belmiro, teve portões fechados devido às confusões que marcaram o descenso do clube santista na última rodada da Série A de 2023. Com o triunfo, o time santista fica na segunda colocação na tabela, com três pontos. O Paysandu aparece na lanterna, com zero.

O jogo começou sonolento. Os primeiros 45 minutos do Santos na Segunda Divisão foram pouco animadores e o time enfrentou dificuldades para criar jogadas, sem conseguir finalizar ao gol adversário, ficando muito amarrado no meio campo em passes burocráticos. A única oportunidade de ataque surgiu aos quatro minutos, quando Aderlan cruzou da direita para Enzo Monteiro, que cabeceou para fora.

Enquanto isso, o Paysandu começou a gostar do jogo e dominou as ações, pressionando a área santista, principalmente com chutes de longa distância, mas sem precisão. A melhor chance veio aos 41 minutos, quando Leandro Vilela recebeu livre na área, mas o chute saiu fraco e facilitou a defesa de João Paulo.

E o início do segundo tempo não foi diferente, com os times mantendo o mesmo ritmo. O técnico Fábio Carille fez quatro substituições de uma vez, buscando mais criatividade. E melhorou: o Santos passou a ter mais posse de bola, mas ainda pecava nos passes e cruzamentos.

O jogo só ganhou em emoção aos 23 minutos, quando Pedrinho marcou um belo gol após jogada individual pela ponta direita, colocando o Santos na frente. O camisa 7 foi invadindo a área em diagonal, deixou dois marcadores para trás e finalizou cruzado de pé esquerdo para marcar o primeiro. Pouco depois, Furch teve uma boa chance, mas o goleiro Matheus Nogueira defendeu.

O Paysandu tentou buscar o empate, porém não conseguiu criar oportunidades claras de gol. Enquanto isso, o Santos apostava nos contra-ataques e, num deles, chegou ao seu segundo gol aos 45 minutos com Guilherme, pegando rebote do goleiro Matheus após chute de Pedrinho, garantindo assim a vitória na estreia da Série B.

O próximo compromisso do Santos é fora de casa contra o Avaí na sexta-feira válido pela segunda rodada da Série B. Já o Paysandu recebe o Botafogo-SP no Mangueirão, em Belém-PA, na segunda-feira (29).

FICHA TÉCNICA

FICHA TÉCNICA:

SANTOS 2 X 0 PAYSANDU

SANTOS – João Paulo; Aderlan (JP Chermont), Gil, Joaquim e Hayner (Rodrigo Ferreira); João Schmidt, Diego Pituca e Giuliano (Rincón); Otero (Pedrinho), Enzo Monteiro (Furch) e Guilherme

Técnico: Fábio Carille

PAYSANDU – Matheus Nogueira; Edilson (Ruan Ribeiro), Wanderson, Quintana e Bryan Borges; João Vieira, Leandro Viela (Gabriel Bispo) e Robinho (Val Soares); Edinho (Michel Macedo) , Jean Dias (Gabriel Santos) e Nicolas.

Técnico: Hélio dos Anjos

GOLS – Pedrinho, aos 23 minutos do segundo tempo, e Guilherme, aos 45 minutos do segundo tempo (Santos)

CARTÕES AMARELOS – Rincón, Quintana, Bryan Borges, Michel Macedo e Joaquim.

ÁRBITRO – Lucas Guimaraes Rechatiko Horn (RS).

RENDA E PÚBLICO – Jogo sem torcida.

LOCAL – Vila Belmiro, em Santos (SP).