Geral

Coronavírus: todos os protocolos foram cumpridos, diz ministro

O ministro da Defesa, Fernando Azevedo e Silva, afirmou hoje (23) que todos os protocolos nacionais e internacionais foram cumpridos para liberar o grupo de 58 pessoas que estavam em quarentena em Anápolis (GO).

Segundo o ministro, todas as determinações da Organização Mundial de Saúde (OMS) e do Ministério da Saúde foram consideradas para a liberação, que ocorreu na manhã de hoje.

“O Ministério da Saúde orientou e deixou em condições de a gente liberar os 34 [brasileiros que foram resgatados de Wuhan, na China, epicentro do novo coronavírus] e mais os 24 que acompanharam [foram fazer o resgate] a partir do 14º dia”, disse o ministro, acrescendo que foram feitos quatro exames para verificar se estavam infectados com o vírus: um exame ainda na China e outros 3 no Brasil. “Todos com resultado negativo e dentro do prazo de 14 dias”, afirmou o ministro, na Base Aérea de Brasília.

O grupo de 58 foram liberados hoje da quarentena, quatro dias antes do previsto inicialmente (18).

Antes de embarcarem em aviões da Força Aérea Brasileira (FAB), em Anápolis, para as suas cidades, os repatriados participaram de um café da manhã de despedida e de uma cerimônia, com a presença do ministro da Defesa, Fernando Azevedo; do governador do Estado de Goiás, Ronaldo Caiado; e do prefeito de Anápolis, Roberto Naves.

Segundo Ministério da Defesa, o grupo teve apoio de aeronaves da FAB, “em aproveitamento de voos de transporte logístico de material e de militares”. Os destinos foram os seguintes:

Distrito Federal – 20 passageiros, sendo 9 militares, 1 profissional do Ministério da Saúde, 1 profissional da Empresa Brasil de Comunicação (EBC) e 9 repatriados;

São Paulo – 13 passageiros, sendo 11 repatriados, um militar e uma integrante do Ministério da Saúde;

Rio de Janeiro – 11 militares;

Paraná – 5 repatriados;

Santa Catarina – 4 repatriados;

Minas Gerais – 3 repatriados;

Pará – 1 repatriada;

Dois repatriados, transportados para Brasília, seguirão em voos comerciais para o Maranhão e para o Rio Grande do Norte. Um repatriado permanecerá em Anápolis (GO).

Veja também

+ Luísa Sonza abre jogo sobre comentários machistas que recebe na internet

+ Marcos sai em defesa de Marcelinho e questiona Casagrande: ‘Que democracia é essa?’

+ Tomografia revela que múmias egípcias não são humanas

+ Simaria posa com vestido sensual e arranca suspiros

+ Namorada de Marco Verratti exibe fotos sensuais

+ Lívia Andrade posa de fio dental

+ Google permite ver animais em 3D com realidade aumentada

+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?