Esportes

Corinthians não teme perder Cantillo neste mês; entenda a situação

Timão precisa pagar a segunda parcela no valor de R$ 3 milhões da contratação do volante ao Junior Barranquilla em julho. Andrés Sanchez não vê problemas para quitar o valor

Corinthians não teme perder Cantillo neste mês; entenda a situação

Victor Cantillo, apontado por muitos como o melhor jogador do Corinthians nesta temporada, virou notícia na imprensa colombiana nos últimos dias. Devido a crise financeira do Timão, o Junior Barranquilla, ex-clube do colombiano, espera com cautela o pagamento da segunda parcela da contratação do meia, no valor de 580 mil dólares (aproximadamente R$ 3 milhões).

Apesar da polêmica no país vizinho, Andrés Sanchez, presidente do Corinthians mantém a tranquilidade pela permanência do volante. Em entrevista ao programa de rádio local “El gol que se vive”, na última terça-feira, o mandatário alvinegro garantiu que a parcela será quitada dentro do prazo de 27 de julho, quando se encerra o contrato de empréstimo de Cantillo com o Timão.

– Pode ficar tranquilo que nós iremos pagar – disse o presidente do Corinthians.

Vale lembrar que no próximo ano, ainda está prevista uma porção final da transferência de 1,3 milhões de dólares (cerca de R$ 7 milhões). Ao quitar as três parcelas, totalizando 3 milhões de dólares (R$ 16,4 milhões), o Corinthians, enfim, terá Cantillo em definitivo.

+ Consulado chinês nos EUA é fechado e provoca nova crise
+ As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil

Víctor Cantillo chegou ao Corinthians no início de 2020 e não demorou para se firmar na titularidade da equipe de Tiago Nunes. Antes da paralisação do futebol por conta da pandemia do novo coronavírus, o atleta colombiano já havia realizado 10 partidas com a camisa alvinegra.

Veja também

+ Funcionário do Burger King é morto por causa de demora em pedido

+ Seu cabelo revela o que você come (e seu nível socioeconômico)

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020

+ Bolsonaro veta indenização a profissionais de saúde incapacitados pela covid-19

+ Nascidos em maio recebem a 4ª parcela do auxílio na quarta-feira (05)

+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?