Ediçao Da Semana

Nº 2742 - 12/08/22 Leia mais

A grande expectativa do Corinthians para a partida deste domingo, às 16h, contra o Goiás, na Neo Química Arena, pelo Brasileirão, é o provável retorno do lateral-direito Fagner. Desfalque há mais de um mês em razão de uma lesão no tornozelo, o jogador, enfim, deve retornar ao time titular. Sua ausência foi bastante sentida.

O técnico Vítor Pereira alternou entre várias opções na lateral ou ala direita, quando atuou com três zagueiros. O único jogador de origem da posição é Rafael Ramos, mas o treinador português também improvisou o zagueiro João Victor e o atacante Mantuan, que teve problemas para se adequar às novas funções.

Fagner já havia participado normalmente das atividades antes do jogo contra o Athletico-PR, mas não foi relacionado por precaução com o gramado sintético. Pereira já havia lamentado na derrota para o Cuiabá por 1 a 0, fora de casa, os seguidos desfalques importantes que atrapalhavam a montagem da equipe.

O técnico segue sem poder contar com o zagueiro Victor, o volante Maycon e o centroavante Júnior Moraes, que estão no departamento médico. Outras baixas para a partida são Roni, suspenso, além do atacante Gustavo Mosquito e do lateral-direito João Pedro, que se recuperam após testarem positivo para a covid-19.

A necessidade de recuperar os atletas também se deve às próximas semanas que prometem ser decisivas para o Corinthians. Depois do Goiás, a equipe de Vítor Pereira enfrenta duas vezes o Santos, pelo jogo de ida das oitavas da Copa do Brasil e outro pelo Brasileirão, além do primeiro confronto diante do Boca Juniors pela Libertadores.