Mundo

Coreia do Sul diz que fez disparos de alerta contra avião russo

O governo da Coreia do Sul anunciou que fez disparos de alerta contra uma aeronave militar russa que violou o espaço aéreo do país nesta terça-feira.

O jato russo entrou no espaço aéreo sul-coreano por duas vezes, levando a Força Aérea a enviar caças e disparar tiros de alerta, disse à AFP um funcionário do Estado-Maior Conjunto.

Foi a primeira vez que uma aeronave da Rússia viola o espaço aéreo sul-coreano, disse o oficial, acrescentando que os militares estavam investigando os motivos dessa ação.

O incidente ocorreu nas proximidades das Ilhas Dokdo, controladas pela Coreia do Sul, mas reivindicadas pelo Japão.

Em meados de junho, o governo sul-coreano ordenou a decolagem de aviões caça após dois bombardeiros russos entrarem na zona de identificação da defesa aérea sul-coreana, mas na época não foram disparados tiros de alerta.