Esportes

Copo meio cheio! Ao citar seca de gols do Corinthians, Mancini ressalta consistência defensiva

Timão não marca gols há mais de 400 minutos, mas não sofre há três partidas


O Corinthians não marca gols há 425 minutos, mas não sofre há 305. Ao empatar em 0 a 0 nos três últimos jogos, Vasco e Internacional, nas duas últimas rodadas do Campeonato Brasileiro, e Red Bull Bragantino, neste domingo (28), na estreia corintiana no Campeonato Paulista, no estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança, o técnico Vagner Mancini levantou a questão entre o equilíbrio entre ataque e defesa.

O treinador corintiano não escondeu o incômodo do time não marcar há quatro jogos mais 65 minutos da derrota por 2 a 1 para o Flamengo, no Maracanã, pela 36ª rodada do Brasileirão, em 14 de fevereiro, onde Léo Natel fez o único gol do Timão aos 20 minutos de jogo, mas olhou o copo meio cheio quando ressaltou a consistência defensiva de um time que não é vazado há três partidas mais 35 minutos, já que o último gol sofrido foi na derrota por 1 a 0 para o Santos, na Vila Belmiro, em jogo adiado da 33ª rodada do Campeonato Brasileiro, na Vila Belmiro, no dia 17 de fevereiro.

– A questão da falta de gols me incomoda muito, hoje até tivemos algumas oportunidades no primeiro tempo, poucas no segundo, isso é óbvio que necessita de ajustes, mas óbvio que por outro lado a equipe não toma gol há três jogos então nós estamos reorganizando a parte defensiva e todo mundo sabe que para reorganizar uma equipe é necessário que você pare de tomar gols para depois fazê-los – disse Mancini em entrevista coletiva após o empate em 0 a 0 contra o Red Bull Bragantino, no estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista, pela primeira rodada do Campeonato Paulista.


+ Homem que vivia ‘casado’ com a própria filha é preso após polícia investigar agressão contra criança
+ Família de Schumacher coloca mansão à venda por R$ 400 milhões
+ Pão de Queijo: faça uma das receitas mais gostosas do Brasil



Desde que chegou ao Timão, Vagner sempre ressaltou que precisava ajustar o time a partir da parte defensiva. Inclusive, pouco após a sua chegada ao clube, em outubro, o treinador citou que o time marcava errado, após ser goleado por 5 a 1 para o Flamengo, na Neo Química Arena, pela 17ª rodada do Brasileiro.

Na “Era Mancini”, o Corinthians tem números equilibrados no que se refere a média de gols pró e contra. Em 26 jogos, são 30 tentos anotados, média de 1,15, e 26 sofridos, um por partida.

O time de Parque São Jorge volta a campo nesta quarta-feira (3), às 19h, na Neo Química Arena, contra o Palmeiras, pela segunda rodada do Paulistão. No último encontro entre os dois rivais, ainda em 2021, no dia 12 de janeiro, no Allianz Parque, o Timão foi goleado por 4 a 0, mas Mancini afirmou que neste novo encontro a postura corintiana será diferente.

>> Confira a tabela do Paulistão e simule as próximas rodadas

Mancini - Red Bull Bragantino x Corinthians

(Foto: Rodrigo Coca/Ag. Corinthians)

Veja também

+ Receita de bolinho de costela com cachaça
+ Cientistas descobrem nova camada no interior da Terra
+ Receita de panqueca americana com chocolate
+ Receita rápida de panqueca de doce de leite
+ Contran prorroga prazo para renovação da CNH
+ Receita de moqueca de peixe simples e deliciosa
+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Sucuris gigantes são flagradas em expedições de fotógrafos no MS