Economia

Conjuntura econômica prescreve política monetária estimulativa, diz ata do Copom


Os membros do Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central reafirmaram nesta terça-feira, 24,, na ata do último encontro do colegiado, que “a conjuntura econômica prescreve política monetária estimulativa, ou seja, com juros abaixo da taxa estrutural”. Esta avaliação já constou no comunicado da semana passada do Copom, quando a Selic foi reduzida de 6,00% para 5,50% ao ano.

A taxa estrutural é aquela que, em tese, permite o crescimento econômico sem gerar inflação. Na ata agora divulgada, o Copom também avaliou que sua decisão da semana passada “reflete seu cenário básico e balanço de riscos para a inflação prospectiva e é compatível com a convergência da inflação para a meta no horizonte relevante para a condução da política monetária, que inclui o ano-calendário de 2020”.

Veja também

+ Canadá anuncia primeira morte de pessoa vacinada com AstraZeneca no país
+ Yasmin Brunet comemora vitória de Gabriel Medina
+ Decifrado código dos Manuscritos do Mar Morto
+ Receita de panqueca americana com chocolate
+ Receita rápida de panqueca de doce de leite
+ Contran prorroga prazo para renovação da CNH
+ Receita de moqueca de peixe simples e deliciosa
+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Sucuris gigantes são flagradas em expedições de fotógrafos no MS