Turismo

Conheça destinos internacionais que estarão em alta em 2018

Por causa da Copa do Mundo, a Rússia será um dos destinos mais cobiçados no ano que vem. Além dela, locais paradisíacos e pouco explorados estão na lista dos viajantes


Arrumar as malas, comprar as passagens e viajar. Este é o plano de muitos brasileiros que não abrem mão de explorar um lugar fora do País quando estão de férias. E que tal sair um pouco do convencional e ir para lugares desconhecidos? Por causa de mudanças de visto, moeda e eventos, alguns lugares se tornaram mais procurados e serão tendências em 2018. Abaixo, listamos oito destinos internacionais. Confira!

Krabi (Tailândia)
Com algumas das praias mais paradisíacas na Tailândia distribuídas em mais de 150 ilhas, a província de Krabi proporciona água azul, areia branca e muito sossego para o turista. Além das belezas naturais, a vantagem de viajar para esta província são os preços. É possível comer bem por R$ 20 e se hospedar em hotel cinco estrelas pagando o preço de um de quatro estrelas. A diária pode sair por R$ 190 para duas pessoas, com café da manhã. O lugar é indicado para jovens e casais em lua de mel.

Muscat (Omã)
O Oriente Médio vem despertando a curiosidade dos brasileiros. Muscat é um destino que deve entrar na lista dos viajantes que se interessam em explorar a história e cultura da região. Marcado pela cultura árabe e islâmica, ele é rodeado de desertos, montanhas e oásis. Ainda não há voos diretos. Por isso a viagem pode ter conexão em cidades da Europa ou da África. A melhor opção é na Etiópia, pela Ethiopian Airlines. As passagens podem custar R$ 2.685. Como ainda é pouco explorado, a hospedagem não é tão barata como a Tailândia, por exemplo. As diárias podem sair em torno de R$ 260  para duas pessoas. O ideal é levar dólar ou euro e chegando lá trocar pela moeda local.

Turks & Caicos (Caribe)
Com um mar de várias tonalidades em azul, areias brancas e coqueiros, a ilha caribenha proporciona paisagens paradisíacas. O arquipélago tem locais para mergulho, esportes aquáticos e ecoturismo. O jeito mais fácil é pegar um voo do Brasil até Miami (EUA) e de lá ir de navio ou avião até Providenciales, uma das cidades mais importantes das Ilhas. Embora seja considerado um destino de luxo, as passagens aéreas não saem tão caras, é possível encontrar voos a partir de R$2.600 e se hospedar em hotéis três estrelas para duas pessoas com diárias a partir de R$ 580, sem café da manhã.


Seychelles (África)
Conhecida por sua preservação ambiental, a ilha investe em hotéis “ecofriendly”e que oferecem ao turista atividades que vão desde passeios aquáticos até visitas em plantações de baunilha. De acordo com a Submarino Viagens, no último ano, o número de brasileiros procurando viagens para ilha triplicou. Mas, ainda sim, por causa da distância, é um destino pouco explorado. Em média são 14 horas de viagem, que pode ser feita pelas companhia aéreas Qatar e Emirates, com escalas em Doha e Dubai ou via África do Sul, com a South African Airways. As passagens podem custar a partir de R$ 3.560. A boa notícia é que não existe uma época do ano específica para visitar a ilha. É possível desfrutar de sol e águas cristalinas o ano inteiro.


Moscou (Rússia) 
Em 2018 será ano de Copa do Mundo e o interesse dos brasileiros pelos pacotes de viagens rumo à Rússia não para de crescer, de acordo com a agência de Turismo CVC. A seis meses do maior evento esportivo do mundo, a cidade já se prepara para receber turistas de todos os cantos do planeta. Algumas agências de turismo oferecem pacotes que incluem hospedagem, ingressos de jogos, traslados, guias e seguros viagem. Embora haja muita procura pelo destino no ano que vem, os preços ainda estão em conta. Um pacote com passagem aérea mais hospedagem por cinco noites pode sair por R$ 3.400, por pessoa. Além da capital Moscou, é possível explorar outras cidades como São Petesburgo e Kazan, além de países próximos como a Ucrânia e Geórgia.

Canadá
O país se tornou um dos mais procurados quando o assunto é intercâmbio. Além do barateamento do dólar canadense frente ao dólar americano, as facilidades na obtenção de visto também aumentaram a procura pelo destino. Desde maio deste ano, o governo canadense deixou de exigir o visto para brasileiros. Agora, é possível emitir uma autorização online para entrar no país, ou se o turista já possui visto americano não é necessário a emissão de visto canadense. A mudança vale para turismo, negócios e estudo. Além de Toronto e Vancouver, que são os destinos turísticos mais conhecidos, Montreal, de colonização francesa, vem se destacando como uma tendência de viagem no país. Se a intenção for apenas viajar, é possível encontrar pacotes com passagens aéreas e hospedagem a partir de R$3630.

Maldivas
Considerada por muitos turistas um sonho de viagem a ser realizado, Maldivas é um destino que proporciona calma e é indicado principalmente para casais em lua-de-mel. Por lá, é possível praticar surfe e windsurfe e passear por prais tranquilas. As melhores opções de acesso para a capital Malé são as companhias aéreas Qatar, Emirates e Turkish, com conexão em Doha, Dubai e Istambul. A Emirates possui o voo com menor tempo de duração. Outra alternativa é viajar com a companhia aérea British via Londres. Mas, prepare o bolso, as passagens aéreas têm tarifas a partir de R$ 5.500 por pessoa. A hospedagem é um pouco salgada e pode chegar a US$ 500 por dia. O ideal é escolher um hotel all inclusive, já que bebidas costumam ser muito caras e o acesso para outros lugares da ilha é limitado.

África do Sul
No ano que vem, o país comemora o centenário do nascimento de Nelson Mandela com eventos esportivos, culturais e artísticos. Além das celebrações que atrairão diversos turistas, a África do Sul tem chamado atenção por oferecer lugares paradisíacos, bons vinhos e cultura. Na Cidade do Cabo, por exemplo, há opções de visitar praias, montanhas e viniculturas, além de comer bem por apenas R$ 30. A moeda local é desvalorizada (um real equivale a 4,30 rands sul africanos) o que torna 2018 ainda mais convidativo para explorar esse destino. Para os amantes dos safáris, a dica é ir no inverno, época do ano em que os animais ficam mais expostos nas savanas. Mas se o intuito for clima quente e praias (as águas são geladas também no verão), o ideal é viajar entre os meses de outubro e janeiro. Além da Cidade do Cabo, Joanesburgo também pode ser uma opção para o turista. As diárias dos hotéis podem sair de US$ de 30 a 40.

*Preços fornecidos pela agência de turismo CVC, Submarino Viagens, pesquisados em novembro de 2017 


Saiba mais
+ Morre a atriz Noemi Gerbelli, a diretora Olívia da novela 'Carrossel', aos 68 anos
+ Modelo brasileiro se casa com nove mulheres e vira notícia internacional
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Receita simples e rápida de asinhas de frango com molho picante
+ Conheça o suco que aumenta a longevidade e reduz o colesterol
+ CNH: veja o que você precisa saber para a solicitação e renovação
+ Vídeo de jacaré surfando em Floripa viraliza na internet
+ Vale-alimentação: entenda o que muda com novas regras para benefício
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Descoberto na Armênia aqueduto mais oriental do Império Romano
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais