Ediçao Da Semana

Nº 2741 - 05/08/22 Leia mais

O céu evoca identidade e autenticidade! Já parou para pensar o quanto que há gente por aí que tenta buscar seu lugar no mundo e diz querer encontrar a si mesmo, mas acaba somente reproduzindo velhas fórmulas? Parece incrível, mas muitos discursos pautados pela ideia da diversidade são extremamente pasteurizados.

Nesta quarta-feira, o Sol, nosso astro-rei, ingressa no signo de Aquário, anunciando a chegada do ápice do verão, no Hemisfério Sul, e do inverno, no Hemisfério Norte. Está dada a largada para a temporada do ser e fazer diferente e também da busca pela identidade que temos em grupo, junto aos que nos acolhem em nossa singularidade. A Lua Cheia, por sua vez, avança pelo signo de Leão, onde a patrona das emoções gosta mesmo é de ser ela mesma, cantando como Madonna nos palcos: “Express Yourself”.

Pensando que tudo isso acontece no dia seguinte ao regente de Aquário e da inovação social, o planeta Urano, ficar direto no céu, é fundamental que reflitamos sobre o valor da palavra diversidade hoje em dia. Pois é preciso estar, de fato, aberto ao novo e ao diferente, sem que isso seja apenas mais um discurso para vender produtos enlatados em ideologias de botequim. E que, acima de qualquer coisa, a busca por lugares e meios sociais mais diversos represente um desejo genuíno de aprender com o outro e dar espaço para novas ideias.

O simbolismo do signo de Aquário deriva do frio e dos ventos cortantes que marcam o clima no Hemisfério Norte, de onde vem o zodíaco que utilizamos na astrologia ocidental. Sob clima austero, era preciso se reinventar e buscar soluções alternativas, junto à comunidade local, para sobreviver. E é por isso que, mais estereotipadamente, fala-se dos aquarianos como dependentes dos amigos, mas isso é um reducionismo dos grandes (como sempre que se fala em signos do zodíaco como características única e exclusivamente relacionadas à personalidade).

Mas vamos pensar sobre o profundo significado de ver e conviver com os diferentes em tempos de austeridade? Daí é que temos uma lição fundamental da astrologia. Pois o que a experiência mostra, infelizmente, é que a tendência ao longo da história é justamente o oposto disso: nos momentos de crise social e econômica, as pessoas tendem a se tornar mais intolerantes. E daí vale pensar no quão limitada é a visão de quem se fecha em seus pequenos grupos, ignorando ou hostilizando tudo que parece diferente.

É por essas e por outras que a metafísica astrológica traz lições tão atemporais sobre a vida em sociedade e a natureza humana. Não somente por uma questão humanitária, mas especialmente pelo aprendizado proporcionado ao darmos voz à diversidade, é que devemos sempre ver e rever nossos pontos de vista, ouvindo, convidando e acolhendo aquele que pode estar se sentido deslocado. Pois é pensando diferente que podemos encontrar novas soluções para antigos problemas.

Diversidade e inovação andam de mãos dadas. Seja mais você, incentivando que todos sejam eles mesmos. E exija que o direito de todos seja igualmente respeitado. Todos nós só temos a ganhar com isso! Não à toa que o cartaz anunciando o festival de Woodstock, em 1969, falava em uma “exposição aquariana”, com dias de paz, amor e música! Isso é liberdade!

Observe: depois de chegar ao ápice, a Lua Cheia, daqui para frente, começa a aparecer cada vez mais tarde no céu. Ela surge no horizonte Leste depois das 20h30, em meio à Constelação de Leão e ao lado de Ras Elased Australis, a estrela Epsilon desse conjunto estelar que representa o milenar felino imortalizado no céu. O nosso satélite natural também estará na mesma longitude de Alphard, a Alfa da Constelação de Hidra, que poderá ser vista na direção Sul em relação à Lua. Deslocando-se em direção ao Oeste, a rainha da noite chegará ao seu ponto mais alto do céu por volta das 2h, já na madrugada da quinta-feira, dia 20, para, depois, ser ofuscada pela luz do Sol nascente.

– Dica: Se souber qual é o seu Ascendente, leia também as tendências para esse signo. Não sabe o seu ascendente? Calcule o seu Mapa Astral gratuitamente AQUI!

– Conheça também o meu site: www.virginiagaia.com.br

Áries: permita-se relaxar um pouco, ariano. Aliás, aproveite o dia para seduzir, só tomando cuidado para não ir com muita sede ao pote.

Touro: É fundamental saber se dividir bem, taurino, e dar conta de tudo o que a carreira demanda. Faça planos sem esquecer de contemplar sua vida pessoal.

Gêmeos: cuidado com o excesso de pensamentos e os julgamentos precipitados, geminiano. É importante que você saiba ouvir mais e meça bem as palavras.

Câncer: equilibre as finanças sem se privar do que você gosta, canceriano. Aliás, veja com quem vale a pena conversar sobre a melhor maneira de gerir o seu tempo e os seus valores.

Leão: dê ouvidos aos outros na medida certa, leonino. Aliás, aproveite o momento para perceber quem respeita você em sua singularidade. Só cuidado com exageros.

Virgem: procure cuidar do seu universo interno, virginiano. Aliás, reveja prioridades para ter um tempo para você investir na sua saúde. Descanse.

Libra: divida o necessário e tenha cuidado com as pessoas que possam mais querer sugar do que acrescentar, libriano. Encontre a sua turma e esteja presente só para quem vale a pena.

Escorpião: saiba exercer a liderança com sabedoria, escorpiano. Cuidado com o excesso de egocentrismo ou a vontade de controlar as coisas. Lembre-se também da família.

Sagitário: aventure-se sem exagerar, sagitariano. Você está empolgado e cheio de ideias, mas pode também acabar se perdendo em tantos planos. Seja realista.

Capricórnio: resolva tudo o que precisa ser resolvido sem exagerar no radicalismo, capricorniano. Saiba fechar ciclos ouvindo a intuição para respeitar diferentes tempos.

Aquário: valorize as boas parcerias e companhias sem se deixar desgastar, aquariano. Aliás, lembre-se de buscar o seu caminho sem depender da adesão dos outros.

Peixes: cuidado com a pressa, pisciano. Mais vale fazer as coisas bem feitas do que fazer muita coisa sem o devido capricho. Seja mais sistemático.