Cultura

Confira 10 curiosidades para celebrar o ‘Dia da Pizza’

SÃO PAULO, 10 JUL (ANSA) – Por Luciana Ribeiro – Considerada um símbolo da gastronomia na Itália, a pizza ganhou amantes por todo o mundo e até tem um dia para chamar de seu, celebrado anualmente em 10 de julho.   

Em decorrência de sua tradição italiana, a Unesco elegeu em dezembro de 2017 a “Arte dos Pizzaiolos Napolitanos” como Patrimônio Imaterial da Humanidade. O alimento também é frequente nas mesas dos brasileiros, além de ter ganhado diversos formatos e tipos. Segundo pesquisa realizada pela Associação Pizzarias Unidas do Brasil, na média nacional, a pizza de calabresa é a principal paixão no país, seguida pela portuguesa e frango com catupiry. Conheça outras 10 curiosidades: 1. Origem: A origem da pizza não é muito certa. Acredita-se que antes de Cristo os fenícios costumavam acrescentar carne e cebola em cima do pão, que tinha aspecto achatado semelhante ao pão sírio. Mas a iguaria teria adquirido o aspecto moderno somente no século XVI, com a introdução do tomate na Itália. O alimento vinha da América e acabou se tornando um dos mais importantes ingredientes da pizza. Além disso, dizem que os egípcios foram os primeiros a fazerem uma pizza, ao misturar farinha e água. Alguns especialistas, porém, creem que a receita teve origem na Grécia, com massas a base de farinha de trigo ou arroz. Os antigos egípcios, muçulmanos e chineses também estão na corrida para serem considerados os responsáveis pela criação da pizza, mas a única certeza é de que foi em Nápoles, na Itália, que surgiu a primeira massa redonda.   

2. Dia Mundial da Pizza: A data é comemorada no dia 10 de julho desde 1889, quando o rei Umberto I e a rainha Margherita provaram uma pizza pela primeira vez. A receita realizada por Rafaelle Esposito, em Napóles, na Itália, no século XIX, foi recheada com ingredientes que remetiam às cores da bandeira italiana: mussarela (branco), tomate (vermelho) e manjericão (verde), dando origem à pizza Margherita. 3. Made in Italy: Considerada um símbolo nacional, engana-se quem acha que a pizza italiana é feita apenas com ingredientes produzidos no país. Da mussarela da Lituânia ao molho concentrado chinês, do azeite de oliva da Tunísia ao trigo canadense, quase duas em cada três pizzas servidas na Itália usam uma mistura de produtos importados. 4. Fonte de Felicidade: Em 2019, uma pesquisa realizada por ocasião do “Dia Internacional da Felicidade”, celebrado no dia 20 de março, revelou que a pizza é uma das maiores fontes de felicidade para os italianos. De acordo com 42% dos italianos, o alimento é o prato que mais deixa as pessoas alegres, informou o estudo feito pela Deliveroo 5. Brasileira X Italiana: Vinda junto com os imigrantes italianos no século XIX, a pizza italiana sofreu algumas adaptações para conquistar os brasileiros. Com massa grossa, fina, bordas recheadas ou não, a pizza consumida no Brasil tem os sabores e formatos mais diversos, podendo ser a tradicional, de metro e até de panela de pressão. Cada pizzaria tem seu segredo e sua receita, incluindo no cardápio variedades gourmet e pizzas doces. Já a pizza napolitana é mais fina, com borda menos crocante e simples. Além disso, é menor, sendo uma excelente opção para ser comida individualmente.   

Geralmente, há menos recheio para que os sabores de cada ingrediente sejam explorados ao máximo. Além da margherita, as receitas mais servidas na Itália são: -Marinara: é temperada apenas com molho de tomate, alho, orégano e azeite de oliva; -Diavola: base com ingredientes da margherita com salame picante (ou peperoni); – Prosciutto e funghi champignon: molho de tomate e queijo mussarela permanecem como base, mas são cobertos com fatias de presunto e cogumelos; – 4 Stagioni: esta pizza é dividida em quatro partes, com quatro ingredientes diferentes (cogumelos, presunto, alcachofra e azeitonas pretas), mantendo a base com molho de tomate e mussarela; -Boscaiola: mussarela, cogumelos e linguiça.-Mare e monti: molho de tomate, mussarela, cogumelos, camarões, alho e salsinha. 6. EUA: Além de Itália e Brasil, a paixão pela pizza também atinge os Estados Unidos e, em junho de 2017, foram os norte-americanos que “roubaram” dos napolitanos o título de “maior pizza do mundo”. Com 2,13 kms de extensão, os pizzaiolos da cidade de Fontana, na Califórnia, bateram os 1,8 km criados em Nápoles em 2016. 7. Pizzarias no Brasil: De acordo com estimativas da Associação Pizzarias Unidas do Brasil, existem pouco mais de 40 mil unidades, formais e informais, no país. Em relação as existentes em São Paulo, uma pesquisa realizada em abril deste ano revelou que, mesmo em meio à pandemia do novo coronavírus (Sars-Cov-2), as pizzarias que operam exclusivamente com delivery registraram uma média de 12,8% de aumento no faturamento. O grande impacto negativo, no entanto, se mostrou nas pizzarias que antes das medidas restritivas contra a Covid-19 adotavam o modelo de operação apenas em salão.   

8. Pizza gigante: Um grupo de 30 pizzaiolos napolitanos preparou ao vivo uma pizza de 500m de comprimento dentro do complexo Fico Eataly World, em Bolonha, na Itália. Ao todo, ela tinha 100m dedicados à clássica margherita e 20m para cada recheio tradicional das 20 regiões da Itália. 9. Dia da Pizza Romana: No ano passado, a cidade de Roma e todo o Lazio, no centro da Itália, realizaram em setembro o “Dia da Pizza Romana”, no qual diversos restaurantes e pizzarias ofereceram um menu clássico, além de criações. 10. Polêmica forno: O uso de forno elétrico para produzir pizza na Itália provocou polêmica no mês passado e gerou reação da Associação de Pizzaiolos Napolitanos, que alertaram que o reconhecimento da “Arte dos Pizzaiolos” como Patrimônio Imaterial da Humanidade da Unesco pode estar em risco.(ANSA)

+ Briga de vizinhos termina com personal trainer morta a facadas no interior de SP

Veja também

+ Avó de Michelle Bolsonaro morre após 1 mês internada com covid-19

+ Nazistas ou extraterrestres? Usuário do Google Earth vê grande ‘navio de gelo’ na costa da Antártida

+ Avaliação: Chevrolet S10 2021 evoluiu mais do que parece

+ Grosseria de jurados do MasterChef Brasil é alvo de críticas

+ Carol Nakamura anuncia terceira prótese: ‘Senti falta de seios maiores’

+ Ex-Ken humano, Jéssica Alves exibe visual e web critica: ‘Tá deformada’

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020

+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea

+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?