Economia

Companhia Lafarge é acusada de crimes contra a Humanidade

Companhia Lafarge é acusada de crimes contra a Humanidade

A companhia franco-suíça de material de construção Lafarge foi acusada nesta quinta-feira de cumplicidade em crimes contra a humanidade, depois de uma acusação de financiar grupos jihadistas, entre eles o Estado Islâmico na Síria - AFP/Arquivos

A companhia franco-suíça de material de construção Lafarge foi acusada nesta quinta-feira de cumplicidade em crimes contra a humanidade, depois de uma acusação de financiar grupos jihadistas, entre eles o Estado Islâmico na Síria.

+ SP deve receber cinco milhões de doses de vacina chinesa em outubro, diz Doria

A Lafarge SA, holding acionista majoritária da filial síria Lafarge Cement Syria (LCS), foi acusada igualmente por financiamento de empresa terrorista e por colocar em perigo a vida de ex-empregados da fábrica de Jalabiya (norte).

Esta decisão é conforme o requerimento da procuradoria de París, segundo fontes jurídicas.

A Lafarge SA se encontra submetida a um controle judicial, que inclui uma fiança de 30 milhões de euros.

Depois de oito acusações nos últimos meses de vários diretores, entre eles o ex-presidente da Lafarge entre 2007 e 2015, Bruno Lafont, por financiamento de uma empresa terrorista e/ou ter colocado em perigo a vida do próximo, agora é a vez da Lafarge SA se explicar ante dois juízes financeiros, Charlotte Bilger e Renaud Van Ruymbeke, encarregados do expediente junto a um juiz antiterrorista, David de Pas.

O grupo, que fez uma fusão em 2015 com o suíço Holcim, é suspeito de ter pago, no total, através de sua filial síria, a LCS, quase 13 milhões de euros entre 2011 e 2015 para manter sua usina de Jalabiya enquanto o país estava mergulhado na guerra.

Parte deste montante foi pagado ao grupo Estado Islâmico (EI) a título de “imposto” para poder manter suas atividades sem perturbação.

Veja também

+Após ficar internada, mulher descobre traição da mãe com seu marido: ‘Agora estão casados’

+ Por decisão judicial, Ciro Gomes tem imóvel penhorado em processo com Collor

+ Jovem é suspeita de matar namorado com agulha de narguilé durante briga por pastel

+ Baleia jubarte consegue escapar de rio cheio de crocodilos na Austrália

+ MasterChef: mesmo desempregado, campeão decide doar prêmio

+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago

+ 12 razões que podem fazer você menstruar duas vezes no mês

+ Arqueólogo leva 36 anos para montar maquete precisa da Roma Antiga

+ Senado aprova alterações no Código de Trânsito Brasileiro

+ Por que não consigo emagrecer? 7 possíveis razões

+ O que é pior para o seu corpo: açúcar ou sal?

+As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

+ Educar é mais importante do que colecionar

+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea