Brasil

Comissão de Ética Pública poderá realizar julgamentos em ambiente virtual

A Comissão de Ética Pública poderá realizar sessões em ambiente virtual, segundo Resolução publicada em edição extra do Diário Oficial da União nesta quinta-feira, 26. A decisão leva em conta a necessidade de adoção de medidas para enfrentamento da emergência de saúde pública em decorrência do novo coronavírus.

Segundo o texto, o conselheiro relator poderá submeter a julgamento processos em ambiente eletrônico que versem sobre: consultas sobre conflito de interesses; denúncias; dúvidas a respeito da aplicação do Código de Conduta da Alta Administração Federal e deliberação sobre interpretação de normas; matérias administrativas.

Veja também

+ Toyota Corolla Cross é SUV do Corolla para brigar com Jeep Compass e cia; confira imagens oficias
+ Robert De Niro reduz limite do cartão da ex-mulher e diz que coronavírus implodiu suas finanças
+ Maria Zilda relembra como soube que Ary Fontoura era gay: “A coisa mais incrível que já ouvi”
+ Rafa Kalimann ensina receita de palha italiana; veja o vídeo
+ Juliana Caetano, do Bonde do Forró, fala sobre proposta de 500 mil reais que recebeu
+ MasterChef estreia sem "supercampeão" e cheio de mudanças
+ Gafanhotos: cidade na Bahia enfrenta invasão de insetos
+ Coronel da PM diz que Bolsonaro é ‘falastrão’ e renuncia à entidade de Oficiais
+ A “primavera das bikes” pós-pandemia vai chegar ao Brasil?
+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Saiba em quais lugares o contágio pelo novo coronavírus pode ser maior