Com XR2, Qualcomm aumenta aposta em Realidade Virtual

Crédito: André Cardozo

Chips da Qualcomm estão em vários óculos atualmente no mercado (Crédito: André Cardozo)

De Maui, Havaí *

A Qualcomm anunciou ontem, durante o Snapdragon Summit, um novo chip para óculos de Realidade Aumentada e Realidade Virtual. O XR2 é a aposta da empresa para equipar óculos mais sofisticados, enquanto equipamentos mais básicos poderão usar o processador de entrada XR1.

“O XR1 deve aparecer em produtos mais simples, como o Oculus Go. Nesses óculos você pode girar o pescoço e ver o que há ao seu redor, mas não há recursos como mapeamento do ambiente com câmeras embutidas nos óculos, por exemplo. Já o XR2 suporta operação mais complexas, como mapeamento de objetos no ambiente ao redor do usuário, suporte para controles de jogos mais sofisticados. Além disso, o XR2 suporta resoluções mais altas e tem suporte para conexões 5G e Wi-Fi, enquanto o XR1 é apenas Wi-Fi”, disse Hugo Swart, VP da área de Extended Reality (Realidade Aumentada+Virtual) da Qualcomm, em entrevista a jornalistas durante o evento.

Hugo Swart, durante o Snapdragon Summit: confiança na evolução de RA e RV – Foto: André Cardozo

Atualmente, chips da empresa já são encontrados em diversos óculos de RA e RV no mercado, como o Oculos Go, do Facebook, e o Google Glass Enterprise, óculos do Google para uso corporativo. Para Swart, os aplicativos de Realidade Virtual já estão em um bom estágio de evolução, principalmente os games, enquanto a Realidade Aumentada ainda tem um caminho mais longo a percorrer.

“Quando falamos de Realidade Aumentada, no ambiente corporativo, já há muitas aplicações interessantes. Ela é usada por exemplo em treinamento remoto de funcionários, educação, medicina. No caso de consumidores, a Realidade Aumentada realmente ainda está em estágio inicial. Os óculos que queremos usar ainda não chegaram. Já há bons produtos, mas ainda estão em desenvolvimento, não estão nas lojas ainda”, disse.

O futuro da Realidade Virtual

Como era de se esperar para alguém em seu cargo, Swart é um otimista em relação à evolução das tecnologias de RA e RV. “Para mim, a combinação de RA e RV pode substituir o smartphone e a TV no futuro. O smartphone tem um tamanho fixo, e a TV também. Mas com RA/RV, posso ter a tela do tamanho que eu quiser. Posso escolher ter uma tela grande à minha frente, e uma pequena a meu lado. Por que precisaria de uma TV? Por que precisaria carregar algo no meu bolso? Isso claramente não vai acontecer pelo menos pelos próximos 5 anos. Mas creio que em um momento vai acontecer”, afirmou.

* O jornalista viajou ao Havaí a convite da Qualcomm


Mais posts

Ver mais

Copyright © 2020 - Editora Três
Todos os direitos reservados.

Nota de esclarecimento A Três Comércio de Publicaçõs Ltda. (EDITORA TRÊS) vem informar aos seus consumidores que não realiza cobranças por telefone e que também não oferece cancelamento do contrato de assinatura de revistas mediante o pagamento de qualquer valor. Tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A Editora Três é vítima e não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças, informando aos seus clientes que todas as medidas cabíveis foram tomadas, inclusive criminais, para apuração das responsabilidades.