Esportes

Com um a menos, Guarani bate Botafogo-SP e conquista primeira vitória na Série B

O Guarani conquistou a primeira vitória na Série B do Campeonato Brasileiro. Mesmo jogando com um a menos durante boa parte do segundo tempo, o time visitante bateu o Botafogo-SP por 1 a 0, no estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto, pela terceira rodada da competição.

+ SP deve receber cinco milhões de doses de vacina chinesa em outubro, diz Doria

Com o resultado, os dois times ficam empatados com três pontos em três jogos disputados, sendo uma vitória e duas derrotas. O Botafogo fica na nona colocação porque tem saldo de gols zero, enquanto o Guarani tem um gol negativo.

Mesmo jogando fora de casa, o Guarani começou tomando a iniciativa da partida e era quem mais buscava jogadas de ataque, enquanto o Botafogo se fechava e apostava nos contragolpes e nas bolas paradas.

Aos 37 minutos, o atacante Júnior Todinho resolveu sozinho para o Guarani. Ele dominou na ponta direita, fez bela jogada passando no meio de dois zagueiros e bateu cruzado para o fundo do gol, abrindo o placar em belo lance individual.

No entanto, o mesmo Júnior Todinho manchou sua boa exibição no segundo tempo. Aos 24 minutos, o jogador se desentendeu com Jordan, acertou um tapa no adversário e foi expulso.

Com um jogador a mais, o Botafogo partiu para cima na reta final da partida, pressionou e quase empatou. Na chance mais clara do time da casa, Luketa subiu mais que a marcação e cabeceou no travessão. O dia era mesmo do time campineiro, que enfim venceu na competição.

Os dois times voltam a campo na próxima terça-feira, pela quarta rodada da Série B. O Guarani recebe o Paraná no Brinco de Ouro, em Campinas, enquanto o Botafogo vai à Ressacada, em Florianópolis, enfrentar o Avaí.

FICHA TÉCNICA

BOTAFOGO-SP 0 X 1 GUARANI

BOTAFOGO-SP – Darley; Valdemir, Robson, Jordan e Guilherme Romão; Ferreira (Gustavo Henrique), Victor Bolt e Gabriel Calabres (Luketa); Jeferson, Wellington Tanque e Ronald. Técnico: Claudinei Oliveira.

GUARANI – Jefferson Paulino; Pablo (Bruno Silva), Didi, Wálber e Bidu; Deivid, Eduardo Person (Marcelo) e Lucas Crismpim; Giovanny (Arthur Rezende), Júnior Todinho e Waquininho (Rafael Costa). Técnico: Thiago Carpini.

GOL – Júnior Todinho, aos 37 minutos do primeiro tempo.

ÁRBITRO – Lucas Canetto Bellote (SP).

CARTÕES AMARELOS – Jordan (Botafogo-SP); Lucas Crispim e Arthur Rezende (Guarani).

CARTÃO VERMELHO – Júnior Todinho (Guarani).

LOCAL – Estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto (SP).

Veja também

+ Após foto “com volume” ser derrubada no Instagram, Zé Neto republica imagem usando bermuda

+ Jovem é suspeita de matar namorado com agulha de narguilé durante briga por pastel

+ Baleia jubarte consegue escapar de rio cheio de crocodilos na Austrália

+ MasterChef: mesmo desempregado, campeão decide doar prêmio

+ Morre mãe de Toni Garrido: “Descanse, minha rainha Tereza”

+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago

+ 12 razões que podem fazer você menstruar duas vezes no mês

+ Arqueólogo leva 36 anos para montar maquete precisa da Roma Antiga

+ Senado aprova alterações no Código de Trânsito Brasileiro

+ Por que não consigo emagrecer? 7 possíveis razões

+ O que é pior para o seu corpo: açúcar ou sal?

+As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

+ Educar é mais importante do que colecionar

+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea