Brasil

Com tochas e gritos contra Moraes, grupo bolsonarista faz ato na frente do STF

Crédito: Reprodução/Twitter

Liderados por sua principal porta-voz, Sara Winter, integrantes do chamado grupo bolsonarista 300 do Brasil participaram de um protesto em frente ao Supremo Tribunal Federal (STF). O ato aconteceu na noite deste sábado, 30.

Portando uma faixa que trazia o número 300 e segurando tochas, os manifestantes gritaram palavras de ordem contra o ministro do STF Alexandre de Moraes. Ele é responsável pelo inquérito das fake News, pelo qual Winter foi alvo de mandado de busca e apreensão.

Na quarta-feira, 27, dia da operação da Polícia Federal que atingiu Winter, ela foi às redes sociais e disse que iria infernizar a vida de Moraes e que se estivesse próxima ao ministro “convidaria ele para trocar soco comigo”.

“Eles não vão me calar. De maneira nenhuma. Pelo contrário. Eu sou uma pessoa extremamente resiliente. Pena que ele mora em São Paulo. Se estivesse aqui, eu tava na porta da casa dele, convidando ele para trocar soco comigo. Juro por Deus, eu queria trocar soco com esse filho da puta desse arrombado. Infelizmente eu não posso. Mas eu queria. Ele mora lá em São Paulo, né? Você me aguarde, Alexandre de Moraes. O senhor nunca mais vai ter paz na vida do senhor”, publicou no Twitter.

Veja também

+ Entenda como a fase crítica da pandemia de Covid-19 pode ter sido superada em SP
+ Ford Ranger supera concorrentes e é líder de vendas
+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Cantora Patricia Marx se assume lésbica aos 46 anos de idade
+ Saiba em quais lugares o contágio pelo novo coronavírus pode ser maior