Esportes

Com menos de um mês no Athletico-PR, Fabio Carille é demitido após goleada na Libertadores

Crédito: Divulgação/Athletico PR

Anunciado no dia 13 de abril como novo técnico do Athletico-PR, Fabio Carille foi demitido do comando da equipe após 21 dias de trabalho. Ao todo, foram sete partidas disputadas, com quatro derrotas e três vitórias.

A demissão do treinador aconteceu logo após a goleada sofrida pelo Athletico para o The Strongest na Libertadores: 5 a 0. A decisão partiu do presidente Mario Celso Petraglia e o treinador foi demitido ainda na Bolívia.


“Na última terça, após uma derrota dolorida para todos nós na Libertadores, que não poderia de forma alguma ter acontecido, fui surpreendido com a minha demissão do comando técnico do Athletico”, escreveu Carille, nas redes sociais.

Em sua publicação, o treinador afirmou que estava empolgado para organizar o Furacão. “Cheguei ao clube no dia 13 de abril e fiz questão de começar a trabalhar imediatamente, por sabia que seria pouco tempo de treino para muitos jogos importantes. Infelizmente, 21 dias depois, o nosso projeto se encerrou. Vim ao clube empolgado para trabalhar, organizar essa equipe que pode render muito mais, porém não houve tempo para isso”, completou.

Instagram will load in the frontend.