Gerar engajamento e manter um público fiel é um dos maiores desafios de um influenciador de sucesso. Criador de conteúdo por incentivo dos amigos, Alesson Lima soma mais de 1,4 milhão de seguidores no Instagram, que foram conquistados por suas postagens diferenciadas e relevância social. “Atuo diretamente no combate ao racismo e defendendo a comunidade LGBTQIAP+”, conta.

Segundo Alesson Lima, sua chegada no mundo digital aconteceu de forma despretensiosa. “Foi natural e orgânico. Eu tinha uma vida de jovem normal, estudava e até fazia estágio. Hoje é uma loucura, tem vários olhos sobre mim, várias pessoas tem interesse em ver meu dia a dia e o que estou fazendo, é como se eu estivesse em uma vitrine onde todo mundo pudesse olhar e opinar. É louco, mas na maioria das vezes é bom!”, reflete.

Para o baiano, a forma como compartilha sua rotina, seja no Reels, IGTV, Stories ou até mesmo no YouTube, onde possui 134 mil inscritos, é o que o diferencia dos outros blogueiros. “É a minha vida que eu conto e mostro e as pessoas se identificam com meu jeito, com minha família, e até a forma que contei da minha orientação sexual”, relembra.

Mas nem tudo são flores! Assim como muitos outros, Alesson Lima também cogitou desistir da carreira por conta dos desafios. “Cair nesse mundo de paraquedas não é fácil. Cheguei sem preparo nenhum para lidar com o público, que nem sempre se agradará com o que estamos mostrando”, analisa ele, que está há 4 anos atuando como criador de conteúdo nas redes.

De origem humilde, ele aconselha quem quer seguir os mesmos passos. “Cuidado! Não é tudo um mar de rosas, simples e tranquilo, é bom? Muito! Mas não é fácil como aparenta e nem da noite pro dia. Ah, e estudem!”, finaliza.