Esportes

Flamengo busca virada contra a Chapecoense e volta a vencer no Brasileiro

Rubro-Negro sai atrás do placar após falha de Diego Alves, mas conta com gols de Arrascaeta e Michael para conquistar os três pontos. Renato Gaúcho assiste jogo no Maraca

Flamengo busca virada contra a Chapecoense e volta a vencer no Brasileiro

 

Na primeira partida após a saída de Rogério Ceni, o Flamengo enfim voltou a vencer no Campeonato Brasileiro. Sob comando de Maurício Souza, o Rubro-Negro saiu atrás do placar no Maracanã, mas buscou uma virada relâmpago e venceu a Chapecoense por 2 a 1, neste domingo. Os gols foram marcados por Perotti, para os catarinenses, e Arrascaeta e Michael, para o clube carioca.

+ Flamengo salta posições: confira a classificação do Campeonato Brasileiro

TABELA E AGENDA

Com o resultado, o Flamengo chega aos 15 pontos, salta cinco posições e assume a oitava colocação do Campeonato Brasileiro. A equipe volta a campo na próxima quarta-feira para enfrentar o Defensa y Justicia, pelo jogo de ida das oitavas de final da Libertadores, em Buenos Aires. Será a estreia de Renato Gaúcho no comando rubro-negro.

FLA DOMINA, MAS NÃO PRESSIONA

Pressionado pelas duas derrotas consecutivas, o Flamengo entrou em campo com mudanças e enfrentou uma Chapecoense com a proposta defensiva muito clara. Com uma linha de cinco defensores, o time catarinense buscou anular o jogo do Rubro-Negro por dentro e cumpriu bem o objetivo na primeira etapa.

O Flamengo manteve o domínio total da posse de bola, mas teve dificuldades em impor uma pressão e criar chances de gol. As melhores jogadas saíram quando Everton Ribeiro e Isla aceleram pelo lado direito, e Rodrigo Muniz desperdiçou uma boa oportunidade para abrir o placar.

+ Na véspera da apresentação, Renato Gaúcho vai ao Maracanã para ver Fla x Chape

DIEGO ALVES COMEÇA COMO HERÓI…

Apesar do controle da posse de bola pelo Flamengo, foi a Chapecoense quem teve a melhor chance de balançar as redes no primeiro tempo. Após erro grave de Léo Pereira na saída de bola, Fabinho recebeu passe e saiu na cara do gol. O atacante chutou firme na saída de Diego Alves, mas parou em grande defesa do goleiro rubro-negro.

… E VIRA O VILÃO

Com intensidade maior, o Flamengo até ensaiou uma melhora no início do segundo tempo e levou perigo com cabeçadas de Pedro e Gustavo Henrique. A equipe, no entanto, foi castigada por uma falha fatal de Diego Alves aos 21 minutos da etapa final. Em cobrança de falta rasteira de Busanello, o goleiro não encaixou e deu rebote para Perotti apenas empurrar para as redes.

ARRASCAETA E MICHAEL DECIDEM PARA O FLA

Atrás do placar, o Flamengo fez mudanças no meio-campo e viu a Chapecoense ficar ainda mais na defensiva. Michael teve boa oportunidade de empatar, mas parou em João Paulo. Em seguida, aos 32′, Arrascaeta igualou o placar para o Rubro-Negro. Após cruzamento de Isla, Pedro não dominou e a bola sobrou para o meia uruguaio finalizar de primeira no contra-pé do goleiro.



Apenas quatro minutos depois, o Flamengo chegou à virada com Michael. Após receber passe de Pedro, o atacante relembrou os tempos de Goiás e passou por três adversários (incluindo o goleiro) antes de completar paras as redes e marcar o gol da vitória rubro-negra.

FICHA TÉCNICA
Flamengo x Chapecoense – 11ª rodada do Brasileirão

Estádio: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Data e hora: 11 de julho de 2021, às 18h15
Árbitro: Paulo Cesar Zanovelli (MG)
​Assistentes: Guilherme Dias Camilo (Fifa/MG) e Ricardo Junio de Souza (MG)
Árbitro de vídeo: Emerson de Almeida Ferreira (MG)
Gramado: Razoável

Cartões amarelos: Léo Pereira, Arrascaeta e Vitinho (FLA) / Busanello, Fernandinho e Anselmo Ramon (CHA)
Cartões vermelhos:

GOLS: Perotti, 21’/2ºT (0-1); Arrascaeta, 32’/2ºT (1-1); Michael, 36’/2ºT (2-1)

FLAMENGO (Técnico: Mauricio Souza)
Diego Alves, Isla (Matheuzinho, 42’/2ºT), Gustavo Henrique, Léo Pereira e Filipe Luís; Willian Arão, Thiago Maia (Vitinho, 25’/2ºT), Everton Ribeiro, Arrascaeta (Piris da Motta, 42’/2ºT); Muniz (Michael, 0’/2ºT) e Pedro.

CHAPECOENSE (Técnico: Jair Ventura)
João Paulo; Matheus Ribeiro, Ignácio, Felipe Santana, Derlan e Busanello (Tiago Coser, 29’/2ºT); Lima (Geuvânio, 37’/2ºT) e Anderson Leite; Fabinho (Kaio Nunes, 17’/2ºT), Fernandinho (Foguinho, 17’/2ºT) e Anselmo Ramon (Perotti, 17’/2ºT).

Veja também
+ Corpo de jovem desaparecido é encontrado em caçamba de lixo
+ Corpo de Gabby Petito é encontrado, diz site; legista afirma que foi homicídio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Vídeo: família é flagrada colocando cabelo na comida para não pagar a conta
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Instituto Gabriel Medina fecha portas em Maresias
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Passageira agride e arranca dois dentes de aeromoça
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio