Esportes

Com brilho de Messi, Barcelona goleia Ferencváros na estreia na Liga dos Campeões

A volta do Barcelona à Liga dos Campeões foi com uma goleada que deve acalmar os ânimos no clube. Ainda abalado pela derrota por 8 a 2 para o Bayern de Munique nas quartas de final na temporada passada, um resultado que provocou mudanças no clube, incluindo a chegada do técnico Ronald Koeman, o time abriu a sua participação na temporada 2020/2021 do torneio com um triunfo por 5 a 1 sobre o húngaro Ferencváros, no Camp Nou.

A goleada do Barcelona foi liderada por Messi, que abriu o placar no momento em que o seu time enfrentava dificuldades diante do campeão húngaro, além de ter participação direta no terceiro, de Philippe Coutinho, e quinto gols da equipe. Mas também chamou a atenção a ausência de Griezmann, que não deixou o banco de reservas mesmo com Koeman tendo realizado as cinco substituições a que tinha direito.

O resultado deixa o time com os mesmos três pontos da Juventus no Grupo G, mas em vantagem no saldo de gols, pois o clube italiano fez 2 a 0 no Dínamo de Kiev, na Ucrânia. E as equipes vão se encontrar na próxima semana, em duelo agendado para Turim, mas sem Piqué em campo, pois o zagueiro foi expulso no segundo tempo do duelo desta terça. Antes, no sábado, o Barcelona disputará clássico com o Real Madrid no Camp Nou, pelo Campeonato Espanhol.

O time catalão, que começou o duelo com os brasileiros Neto e Philippe Coutinho como titulares, sofreu no início da partida, embora tenha aplicado uma goleada na equipe húngara. Afinal, viu o VAR anular um gol de Nguen aos nove minutos, por impedimento. E o brasileiro Isael ainda acertou o seu travessão aos 19.

Mas aí Messi apareceu. Fez jogada individual que só parou no pênalti cometido por Kovacevic. Ele mesmo executou a cobrança, com precisão, aos 27, para colocar o Barcelona em vantagem, deixando sua marca na Liga dos Campeões pela 16ª temporada consecutiva.

A partir daí, o Barcelona deslanchou na partida. E marcou mais um, antes do intervalo, aos 42, após um lindo lançamento de De Jong por cima da defesa. De frente para o goleiro Dibusz, Ansu Fati tocou de leve para fazer 2 a 0. O time manteve o ritmo no começo da etapa final e chegou ao terceiro gol logo no começo, aos sete minutos. Dessa vez, após jogada de Messi, Ansu Fati rolou para Coutinho chegar batendo. Um desvio na defesa ajudou o brasileiro a fazer o terceiro da sua equipe.

O Barcelona ainda levou um susto, aos 24, quando Piqué foi expulso ao cometer pênalti, convertido por Kharatin. Mas ficou nisso, tanto que o time ainda marcou duas vezes contra o atual campeão húngaro. O primeiro foi de Pedri, aos 37 minutos, depois de linda jogada de Dembelé pela ponta direita. Aos 44, Dembelé recebeu um presente de Messi na grande área para fechar o placar em 5 a 1.

GRUPO E – Também nesta terça-feira, os dois jogos do Grupo E terminaram empatados. No Stamford Bridge, Chelsea e Sevilla não saíram do 0 a 0. E Rennes e Krasnodar ficaram no 1 a 1 na França.

Veja também

+ Cantora MC Venenosa morre aos 32 anos e família pede ajuda para realizar velório
+ Homem salva cachorro da boca de crocodilo na Flórida
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Cirurgia íntima: quanto custa e como funciona
+ Idoso morre após dormir ao volante e capotar veículo em Douradoquara; neto ficou ferido
+ MasterChef: Fogaça compara prato com comida de cachorro
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel