Esportes

Com arena indisponível, Palmeiras tem bom retrospecto em mata-matas no Pacaembu

Para o Palmeiras, ter de decidir um mata-mata fora do Allianz Parque não chega a ser um problema. Depois de a Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol), ter anunciado na última quarta-feira que a partida contra o Grêmio, pelas quartas de final da Copa Libertadores, não será na arena, o clube pode se sentir mais confiante ao relembrar o retrospecto positivo recente de decisões no Pacaembu, local da partida decisiva.

Desde a abertura do seu estádio, em novembro de 2014, em 22 ocasiões o Palmeiras precisou deixar a arena e escolher um local alternativo para jogar, principalmente pela agenda de shows no local. No caso da partida com o Grêmio, a apresentação da dupla Sandy & Júnior dias antes é o motivo para o Palmeiras disputar pela quinta vez um mata-mata longe de casa desde a inauguração do estádio.

Pelo menos o retrospecto palmeirense é bem positivo. Sempre que precisou jogar um confronto eliminatório fora do Allianz Parque como mandante nesses últimos anos, a equipe recorreu ao Pacaembu e sempre saiu classificada. Em 2017, passou pelo Novorizontino no Campeonato Paulista. Já no ano passado, superou o Santos, pelo Estadual, e o Bahia, na Copa do Brasil. Nesta temporada, novamente o time bateu o Novorizontino pelo Paulista.

Nas 22 vezes em que precisou deixar o Allianz Parque, apenas uma vez, em 2016, o time não escolheu o Pacaembu, mas sim a Fonte Luminosa, em Araraquara, como local da partida. Já no estádio municipal paulistano, a equipe alviverde tem 79% de aproveitamento. A última visita, aliás, teve como resultado a goleada por 4 a 0 sobre o Santos, pelo Brasileiro deste ano.

DISCUSSÕES – A construtora WTorre, responsável pelo Allianz Parque, e o Palmeiras vivem uma pendência nos bastidores sobre a indenização a ser paga ao clube para ocasiões em que a arena não pode ser utilizada para jogos. A empresa tem de pagar 50% da renda bruta da partida em questão, além de 20% do valor cobrado pelo aluguel do estádio.

No entanto, os gestores da arena defendem que pelo contrato assinado entre as partes, o Palmeiras também precisa honrar o compromisso de bancar despesas como água e luz referentes aos dias de jogos. Essa questão está em discussão em uma câmara de arbitragem.

Confira os jogos do Palmeiras fora do Allianz Parque nos últimos anos

2015

Palmeiras 3×2 Grêmio – Brasileiro – 19/9/2015 – Pacaembu (Rod Stewart)

Palmeiras 0x2 Sport – Brasileiro – 24/10/2015 – Pacaembu (Muse e Ariana Grande)

2016

Palmeiras 2×2 São Bento – Paulistão – 4/2/2016 – Pacaembu (Reforma do gramado)

Palmeiras 1×2 Red Bull Brasil – Paulistão – 24/3/2016 – Pacaembu (Iron Maiden)

Palmeiras 3×0 Rio Claro – Paulistão – 31/3/2016 – Pacaembu (Iron Maiden)

Palmeiras 1×0 Corinthians – Paulistão – 3/4/2016 – Pacaembu (Coldplay)

Palmeiras 4×3 Grêmio – Brasileiro – 2/6/2016 – Pacaembu (Eros Ramazzotti)

Palmeiras 0x0 Cruzeiro – Brasileiro – 13/10/2016 – Araraquara (Aerosmith)

2017

Palmeiras 3×0 Novorizontino – Paulistão – 7/4/2017 – Pacaembu (Elton John e James Taylor)

Palmeiras 1×0 Grêmio – Brasileiro – 1/7/2017 – Pacaembu (Ariana Grande)

Palmeiras 1×0 Coritiba – Brasileiro – 18/9/2017 – Pacaembu (Festival São Paulo Trip)

Palmeiras 2×2 Bahia – Brasileiro – 12/10/2017 – Pacaembu (Paul McCartney)

Palmeiras 2×0 Ponte Preta – Brasileiro – 19/10/2017 – Pacaembu (John Mayer)

2018

Palmeiras 1×2 Santos – Paulistão – 27/3/2018 – Pacaembu (Depeche Mode)

Palmeiras 1×0 Internacional – Brasileiro – 22/4/2018 – Pacaembu (Radiohead)

Palmeiras 1×0 Bahia – Copa do Brasil – 16/8/2018 – Pacaembu (Tribalistas)

Palmeiras 3×1 Cruzeiro – Brasileiro – 30/9/2018 – Pacaembu (Andrea Bocelli)

Palmeiras 2×0 Grêmio – Brasileiro – 14/10/2018 – Pacaembu (Z Festival)

Palmeiras 2×1 Ceará – Brasileiro – 21/10/2018 – Pacaembu (Shakira)

2019

Palmeiras 2×0 Bragantino – Paulistão – 11/2/2019 – Pacaembu (Ed Sheeran)

Palmeiras 5×0 Novorizontino – Paulistão – 26/3/2019 – Pacaembu (Paul McCartney)

Palmeiras 4×0 Santos – Brasileiro – 18/5/2019 – Pacaembu (Los Hermanos)