Geral

Cidade de SP começa a vacinar crianças de 5 a 11 anos sem comorbidades no sábado

A Prefeitura de São Paulo informou que dará início no sábado, 22, à vacinação de crianças de 5 a 11 anos de idade sem comorbidades. A ampliação do público foi possível por causa da liberação para uso da Coronavac. O imunizante produzido pelo Butantan poderá ser aplicado em crianças acima de 6 anos. Já as crianças com 5 anos de idade deverão receber a vacina da Pfizer.

A vacina produzida pelo Instituto Butantan foi aprovada nesta quinta-feira, 20, pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). A capital recebeu 801 mil doses do imunizante. Na sexta-feira, 21, as vacinas serão encaminhadas aos postos de armazenamento e distribuição e, em seguida, serão entregues a todas as regiões e unidades para que a imunização seja iniciada no dia seguinte.


A vacinação para crianças no sábado estará disponível em 205 postos de vacinação, incluindo 125 Unidades Básicas de Saúde (UBSs) abertas exclusivamente para a vacinação de crianças. A partir de segunda-feira, 24, a vacinação infantil estará disponível em todas as 469 UBSs da capital. A lista com os postos que abrirão no sábado está disponível aqui.

Segundo o secretário de Saúde, Edson Aparecido, a liberação da Coronavac pela Anvisa torna possível ampliar a vacinação a todo o público infantil. Nesta semana, teve início em São Paulo a imunização de crianças com comorbidades e deficiência com a vacina da Pfizer – a única que estava aprovada até então para população pediátrica.

Crianças de 5 anos de idade e imunossuprimidos continuarão sendo vacinados exclusivamente com a vacina Pfizer porque a aprovação da Anvisa nesta quinta-feira libera a Coronavac apenas para crianças maiores de 6 anos de idade e que não sejam imunocomprometidas.

Para tomar a vacina, as crianças devem estar acompanhadas por um responsável maior de 18 anos e apresentar documento de identificação (preferencialmente CPF) e carteirinha de vacinação.