Geral

Chuvas deixam ao menos cinco mortos no Espírito Santo

Ao menos cinco pessoas morreram em decorrência das fortes chuvas que atingem o sul do Espírito Santo desde esta sexta-feira, 17. Os Bombeiros e a Defesa Civil ainda tentam chegar a alguns dos locais atingidos para verificar o número de desabrigados e desaparecidos. O governador Renato Casagrande (PSB) foi às cidades na manhã deste sábado, 18, para acompanhar o trabalho de assistência.

Mortes foram registradas em Iconha e Alfredo Chaves. Foto: Governo do Espírito Santo/Divulgação

Duas vítimas foram registradas em Iconha e três em Alfredo Chaves, município com o maior acumulado de chuvas nas últimas 24 horas, com 249,2 mm. Duas das vítimas são um casal de idosos que ficou soterrado após o desabamento de sua casa.

O governador Renato Casagrande esteve em Iconha e declarou que no primeiro momento os esforços serão voltados a fornecer água potável, alimento, materiais de higiene e medicamentos. “Muitas casas estão sem água, então vamos disponibilizar caminhões-pipa e a Cesan vai ajudar na limpeza das ruas. Estamos em contato com a ECO 101 (Concessionária de Rodovias) para que possam ajudar na retirada dos carros, pois muitos foram arrastados.”

Ele anunciou que o governo lançará uma linha de financiamento do Banco Estadual do Espírito Santo para ajudar na reconstrução de casas e dos negócios.

As rodovias BR 101 e BR 262 ficaram parcialmente interditadas por movimentos de massa na altura dos quilômetros 434 e 78, respectivamente.

Alfredo Chaves

O município registrou alagamentos em todos os bairros, exceto no centro. Uma residência no distrito Cachoeirinhas desabou e soterrou o casal de idosos que moravam nela. Barreiras caíram no bairro São Marcos.

Iconha

Carros e árvores foram arrastados pelas águas em Iconha. No centro, a altura da água chegou a um metro. Uma passarela desabou completamente, e o Hospital Danilo Monteiro de Castro ficou inundado até o segundo pavimento. Duas pessoas morreram.

Vargem Alta

O município foi o segundo com maior índice pluviométrico nas últimas 24 horas, com 231, 6 mm. A cidade estava, até as 11h deste sábado, sem comunicação, água potável e energia.

Veja também

+ Cantora MC Venenosa morre aos 32 anos e família pede ajuda para realizar velório
+ Homem salva cachorro da boca de crocodilo na Flórida
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Cirurgia íntima: quanto custa e como funciona
+ Idoso morre após dormir ao volante e capotar veículo em Douradoquara; neto ficou ferido
+ MasterChef: Fogaça compara prato com comida de cachorro
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel

Tópicos

chuvas es mortos