Economia

China tem superávit comercial maior com EUA, diz ministro japonês

O ministro de Finanças do Japão, Taro Aso, destacou nesta sexta-feira que o superávit comercial da China com os EUA é bem maior que o do Japão, sinalizando desconforto com comentários negativos feitos esta semana pelo presidente eleito americano, Donald Trump, sobre a relação comercial dos EUA com os japoneses.

“Em termos de desequilíbrios comerciais, a China é a número 1”, afirmou Aso. A China responde por cerca de metade do déficit comercial total dos EUA, minimizando a importância do superávit japonês, acrescentou o ministro.

Na quarta-feira, em sua primeira entrevista coletiva desde que ganhou a eleição presidencial americana, Trump citou Japão, China, Rússia e México como os países que têm as relações comerciais mais desequilibradas com os EUA. A fala gerou forte repercussão na mídia japonesa.

Aso sugeriu que jornalistas deveriam perguntar o motivo de Trump ter excluído a Alemanha, um grande país exportador que também tem superávit comercial com os EUA maior que o do Japão.

Entre janeiro e setembro de 2016, o Japão acumulou superávit comercial de US$ 41,56 bilhões com os EUA, segundo o Census Bureau, escritório de estatísticas americano. No mesmo período, China, Alemanha e México registraram superávits maiores com os EUA.

Aso defendeu ainda que o Japão se esforce mais para informar Trump como os investimentos diretos de empresas japonesas têm ajudado a criar empregos nos EUA. Fonte: Dow Jones Newswires.

Veja também

+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Cirurgia íntima: quanto custa e como funciona
+ MasterChef: Fogaça compara prato com comida de cachorro
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel

Tópicos

China Japão Trump