Mundo

China solta funcionário de consulado britânico em Hong Kong

PEQUIM, 24 AGO (ANSA) – A China informou neste sábado (24) que liberou o funcionário do consulado britânico em Hong Kong Simon Cheng, de 28 anos, que tinha sido preso no último dia 8 de agosto.   

Cheng vive em Hong Kong, mas foi detido em uma viagem para a cidade de Shenzhen. As autoridades chinesas acusaram o jovem de envolvimento com prostituição, mas a mídia britânica suspeita que o crime tenha sido usado apenas como pretexto contra Cheng.   

O jovem trabalha como oficial de comércio e investimento no consulado do Reino Unido em Hong Kong. Segundo o porta-voz do Ministério de Relações Exteriores chinês, o funcionário foi colocado em detenção administrativa por 15 dias por violar a lei sobre Administração de Segurança da China, que cobre uma série de delitos que não são considerados crimes.   

O caso chamou a atenção porque a China e o Reino Unido têm um histórico de confronto político pela disputa do controle de Hong Kong, que foi ex-colônia britânica. (ANSA)

Veja também

+ Cartucho de videogame do Super Mario Bros. é leiloado por US$ 114 mil e quebra recorde
+ Moto pega fogo ao ser desinfectada; veja o vídeo
+ Aparência de apresentadora da TV britânica choca redes sociais
+ Empresário de 34 anos morre após cair do parapente no Espírito Santo
+ Dicas fáceis de como limpar panela queimada
+ Jovem pede delivery e encontra dedo humano em esfirra
+ Neto de Elvis Presley é encontrado morto, diz site
+ Usado: Toyota Corolla é carro para ficar longe da oficina
+ Veja 7 incríveis casas na natureza para sonhar
+ A “primavera das bikes” pós-pandemia vai chegar ao Brasil?
+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Saiba em quais lugares o contágio pelo novo coronavírus pode ser maior