Economia

China facilita emissão de bônus por governos locais


O Ministério de Finanças da China anunciou hoje que irá facilitar a emissão de bônus por governos locais e, ao mesmo tempo, monitorar riscos ligados a dívidas locais.

Em comunicado divulgado em sua página na internet, o ministério disse que Pequim acompanhará de perto as dívidas de regiões “com riscos elevados” e estudar novas formas de conter os riscos nessas localidades.

Pequim autorizará agora que governos locais emitam até 1,35 trilhão de yuans (US$ 213,7 bilhões) em bônus para ajudar a financiar projetos públicos, o que representa um aumento de 550 bilhões de yuans em relação ao montante do ano passado.

Cidades e condados estarão aptos a fazer emissões dentro de um mês, depois que governos de províncias receberem as cotas para este ano, informou o ministério, aconselhando que essas localidades ofertem bônus assim que possível.

No fim do ano passado, a dívida total de China somava 29,95 trilhões de yuans, o equivalente a 36,2% do Produto Interno Bruto (PIB) do país, ante 36,7% em dezembro de 2016. Fonte: Dow Jones Newswires.


Saiba mais
+ IPVA 2022 SP: veja como consultar e pagar o imposto
+ Um gêmeo se tornou vegano, o outro comeu carne. Confira o resultado
+ Reencarnação na história: uma crença antiquíssima
+ SP: Homem morre em pé, encostado em carro, e cena assusta moradores no litoral
+ O que se sabe sobre a flurona?
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua