Esportes

Chiefs embalam virada arrasadora para cima dos Steelers na ‘última dança’ de Big Ben na NFL

Camisa 7 de Pittsburgh, duas vezes campeão da liga, despediu-se dos gramados neste domingo (16), aos 39 anos

Chiefs embalam virada arrasadora para cima dos Steelers na ‘última dança’ de Big Ben na NFL

Os jogos do Divisional Round da AFC estão definidos. Kansas City Chiefs e Pittsburgh Steelers fecharam a rodada tripla de jogos de Wild Card deste domingo (16). Atuando diante de seu torcedor, no Arrowhead Stadium, no Missouri, os Chiefs até começaram levando um susto, um fumble retornado para TD por TJ Watt, o principal candidato a jogador defensivo do ano. Mas Mahomes e cia. logo trataram de retomar as rédeas da partida, vencendo os Steelers por 42 a 21, justamente na despedida de ‘Big’ Ben Roethlisberger dos gramados, uma lenda de Pittsburgh e que, com certeza, é Hall da Fama e terá sua camisa 7 aposentada na franquia da Pensilvânia.


A virada dos Chiefs foi embalada por uma sequência de TDs em seis campanhas consecutivas. Cinco foram no talento absoluto de Patrick Mahomes, que comandou com maestria as ações de Kansas City. E ainda teve tempo para Travis Kelce também lançar para TD. Com a vitória construída em um noite gelada no Arrowhead Stadium, os Chiefs, com a segunda melhor campanha da AFC, voltam a jogar em casa no próximo fim de semana, quando receberão o Buffalo Bills, que assim como o próprio Kansas City não tomou conhecimento de seu rival, no caso os Patriots, no Wild Card. Um jogo memorável se desenha no duelo entre Patrick Mahomes e Josh Allen. Na outra semifinal da AFC, os Titans jogam em casa contra os Bengals de Joe Burrow.

Além dos cinco passes para TD, Mahomes lançou para 404 jardas, completando 30 de 39 passes e ainda sofrendo uma interceptação. Jerick McKinnon foi uma dupla ameaça para os Chiefs, com 61 jardas em 12 carregadas no jogo terrestre, além de 81 jardas em seis recepções e um touchdown pelo ar. Kelce não ficou só no seu passe para TD. O tight end foi mais uma vez figura efetiva para os Chiefs, com 108 jardas em cinco recepções e um TD conectado por Mahomes. Os outros TDs de Kansas foram anotados por Tyreek Hill, o pesadão Nick Allegretti e Byron Pringle, este último com dois touchdowns em 37 jardas oriundas de cinco recepções.

O adeus de ‘Big’ Ben
Duas vezes campeão da NFL, Ben Roethlisberger encerra sua carreira aos 39 anos. Ele foi seis vezes selecionado para o Pro Bowl, foi líder da liga em jardas passadas em 2014, calouro ofensivo em 2004 e líder do Pittsburgh Steelers em vitórias, touchdowns, passes tentados, passes completados e jardas aéreas. Em sua última partida na NFL, ‘Big’ Ben completou 29 de 44 passes, lançando para 215 jardas, com duas conexões para TD e nenhuma interceptação. Ele pode não ser mais o mesmo de anos atrás, quando sempre deixava a liga e os fãs boquiabertos com sua capacidade física e a força no braço, mas encerrou sua carreira levando os Steelers aos Playoffs quando muitos duvidavam.

Uma despedida honesta e singela para um dos grandes QBs da história do jogo, fruto de uma época onde os atletas de sua posição possuíam outras características, especialmente a pouca mobilidade no pocket e uma capacidade de escanear o jogo muito maior. Seus dois passes para TD foram para James Washington e Diontae Johson. Najee Harris teve uma partida tímida no jogo terreste, com apenas 29 jardas em 12 carregadas. Os Steelers agora começam a olhar para o futuro, pensando na sucessão ao camisa 7 de tanta história. Foram 18 anos de liga. No fim, Mahomes dirigiu-se até Big Ben para um cumprimento final. Momento extremamente simbólico para a liga e o futebol americano. Quase como uma passagem de eras. A saída dos quarterbacks menos móveis para os móveis. Uma cena clássica em um esporte de evolução constante.