Cultura

Chiari é nomeada como ‘Capital Italiana do Livro’ de 2020

CHIARI, 21 OUT (ANSA) – A cidade de Chiari, na região da Lombardia, foi nomeada como a “Capital Italiana do Livro” em 2020. A decisão foi aprovada pelo ministro dos Bens Culturais, Dario Franceschini.   

Chiari, que foi uma das cidades lombardas mais afetadas pela Covid-19, receberá um empréstimo de 500 mil euros (cerca de R$ 3,3 milhões) para a realização de projetos, iniciativas e outras atividades.   

“A ‘Capital Italiana do Livro’ vai gerar mecanismos virtuosos capazes de desenvolver projetos culturais, envolventes e inovadores . O reconhecimento chega a um território que foi fortemente afetado pandemia. Nos meses mais difíceis da quarentena, Chiari encontrou uma das ferramentas de apoio à comunidade na leitura”, explicou Franceschini.   

Chiari foi uma das primeiras cidades italianas a ter uma biblioteca a serviço da comunidade. Ao lado dela também está localizada a Biblioteca Municipal Fausto Sabeo, centro de muitas atividades de leitura.   

O título de capital do livro da Itália, que a primeira edição foi concedida a Chiari, será decidida a partir de 2021 por uma comissão de especialistas que avaliará os projetos apresentados pelas cidades do país. (ANSA).   

Veja também

+ Cantora MC Venenosa morre aos 32 anos e família pede ajuda para realizar velório
+ Homem salva cachorro da boca de crocodilo na Flórida
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ MasterChef: Fogaça compara prato com comida de cachorro
+ Cirurgia íntima: quanto custa e como funciona
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel