ISTOÉ Gente

‘Cheguei a escrever música num rolo de papel higiênico’, diz Dorgival Dantas

‘Cheguei a escrever música num rolo de papel higiênico’, diz Dorgival Dantas

O cantor, compositor e produtor musical brasileiro Dorgival Dantas foi o convidado da live de IstoÉ Gente, na última segunda-feira (14). O cantor é conhecido como “O Poeta”, uma referência às letras de suas músicas, verdadeiras obras melodiosas e de conteúdo aveludado. No bate-papo com o jornalista Rafael Ferreira, o cantor diz que não curte ser chamado pelo apelido. “É um peso muito grande para uma pessoa. Nunca vou conseguir falar que sou.”

Numa humildade brilhante e reflexiva,  Dorgival revisitou a carreira, fez uma imersão na própria história e falou sobre o início dramático do trabalho, quando sequer tinha condições financeiras de comprar o instrumento musical de seu sustento, a sanfona. “Meu pai, que era sanfoneiro, não me deixou sequer uma sanfona, Não tinha condição de comprar uma”, relata.

Na entrevista, o cantor conta a vida em sobressaltos, da barriga da miséria ao sucesso. Dorgival conta que a vida faminta tombou de morte os irmãos: “Perdi sete irmãos para a fome, sem ter o que comer”. O triunfo veio quando ele foi premiado com o Troféu Imprensa e conheceu de Silvio Santos a Faustão. “Foi um sonho.”

O cantor é, sem qualquer sombra de dúvidas, uma pessoa especial. Ele estreou na área musical como sanfoneiro, tecladista e cantor aos 14 anos de idade, influenciado pelo pai, Cícero Dantas, que também era sanfoneiro. “A vida é só uma e você deve realmente transformá-la em várias. Viver é bom. Às vezes, tenho saudade, antes de partir.”

Na live, Dorgival conta os detalhes de suas criações musicais, como a música “Você não vale nada”, sucesso nacional, por conta da novela Caminho das Índias, da TV Globo, cantada pela banda Calcinha Preta. “A letra da música é um jeito diferente de falar te amo”. As canções de cantor estiveram em várias trilhas sonoras de telenovelas da Rede Globo. No bate-papo, Dorgival revela que foi a São Paulo para reclamar para mídia que não era lembrado como autor dos grandes sucessos musicais. “Não tá certo a música fazer sucesso e ninguém saber quem é o autor.”

Na discografia do forrozeiro somam-se cinco álbuns: “O Homem do Coração” (2006), “Primeiro Passo” (2007), “Turnê 2008” (2008) e “Sanfona e Voz” (2012). “Simplesmente Dorgival – Ao Vivo” (2013), seu primeiro DVD que contou com participação de: Chambinho do Acordeon, Solange Almeida, Xand Avião, seu filho Cícero Dantas, Bell Marques, Flávio José, Jorge e Mateus e a dupla César Menotti e Fabiano. Em 2018, gravou em Salvador (BA) seu DVD “Minha Música Nossa História”. “Sou um fazedor de música. Música é um santo remédio, um alimento para a alma. Não sei o que seria do mundo sem música. Cheguei a escrever música num rolo de papel higiênico”, lembrou.

Aos 50 anos de idade, o cantor e compositor já teve canções gravadas por artistas e bandas conhecidíssimos como Cristiano Araújo, Michel Teló, Calcinha Preta, Aviões do Forró, Alexandre Pires, César Menotti e Fabiano, Jorge e Mateus, Frank Aguiar,  além de diversas bandas de forró. Com milhões de visualizações no YouTube, Dorgival avalia que as pessoas “deveriam falar mais com o coração, que filosofar.” De uma simplicidade pura no uso das palavras, a fala lenta, pensativa e reflexiva de Dorgival, entrecortada com o som da sanfona, é de uma riqueza incrível da entrevista. “A vida é como um roçado no sertão. Você tem que fazer sua parte: Cavar, plantar e ficar de olho no céu; logo logo vem o inverno, depois a fartura”, conclui.

Veja também
+ Joice Hasselmann aparece com fraturas e diz acreditar ter sido vítima de ‘atentado’
+ Pintor é expulso de rodízio por comer 15 pratos de massa; assista
+ ‘Transo 15 vezes na semana’, diz Eduardo Costa ao revelar tratamento por vício em sexo
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Mercedes-Benz Sprinter ganha versão motorhome
+ Veja fotos de Karoline Lima, novo affair de Neymar
+ Anorexia, um transtorno alimentar que pode levar à morte
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago