Mundo

Chegada de avião de passageiros da Rússia na Venezuela gera desconfiança

Crédito: JUAN BARRETO / AFP

A chegada incomum do Boeing 777 da companhia russa Nordwind Airlines a Caracas despertou suspeita nas redes sociais a respeito de sua missão, já que o Kremlin prometeu ajudar o aliado presidente venezuelano, Nicolás Maduro, diante do esforço dos  Estados Unidos para tirá-lo do poder. As informações são da Reuters.

Não há registro  de que o avião tenha ido antes para Venezuela, já que ele normalmente voa para o sudeste asiático, de acordo com dados de voo disponíveis ao público. Segundo o jornal russo “Novaya Gazeta” , a aeronave partiu com dois tripulantes e nenhum passageiro.

Na semana passada, a agência Reuters noticiou que agentes militares privados que realizam missões secretas para Moscou voaram para Venezuela para reforçar a segurança de Maduro que sofria com os protestos da oposição.