Esportes

Chapecoense reduz salários de jogadores e membros do departamento de futebol


Neste momento delicado que vive o mundo por causa da pandemia do coronavírus, a Chapecoense agiu para minimizar os efeitos da crise. Jogadores e membros do departamento de futebol aceitaram a redução salarial proposta pela diretoria.

O corte de 25% do salário registrado na carteira de trabalho vai acontecer a partir de maio. Ou seja, os vencimentos de abril serão pagos integralmente. O acerto aconteceu após uma videoconferência com os líderes do elenco, a comissão técnica e o presidente Paulo Magro.

Na semana passada, após uma reunião virtual, quase todos os clubes das Séries A e B do Campeonato Brasileiro ampliaram as férias dos jogadores por mais dez dias. A Chapecoense foi um deles e a volta do elenco está programada para o início de maio.

A Chapecoense aguarda também o retorno do Campeonato Catarinense. O desejo federação é que a bola volte a rolar a partir do dia 16 de maio, mas aguarda o aval do governo estadual.

Após escapar do rebaixamento na última rodada, a Chapecoense se classificou para as quartas de final do Catarinense e o adversário será o Avaí. O campeonato foi paralisado antes dos jogos de ida.

Veja também
+Deolane Bezerra, viúva de MC Kevin, revela que fez cirurgia na vagina
+ Aprenda a fazer a deliciosa receita de feijoada da cantora Ivete Sangalo
+ Mulher e filho de Schumacher falam sobre saúde do ex-piloto
+ Carvão “gourmet” que não suja as mãos vira meme nas rede sociais; ouça
+ Mãe encontra filho de 2 anos morto com bilhete ao lado ao chegar em casa
+ Receita fácil e rápida de pavê de amendoim para o fim de semana
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Passageira agride e arranca dois dentes de aeromoça
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago