Geral

Chapecoense oscila de novo, perde para o Guarani, mas segue líder da Série B

Líder isolada da Série B do Campeonato Brasileiro, a Chapecoense voltou a tropeçar neste sábado. O time catarinense sofreu sua segunda derrota seguida ao ser superado pelo Guarani por 2 a 0, em Campinas, pela 23ª rodada. Apesar do novo revés, a Chapecoense segue na primeira colocação da tabela.

Com 47 pontos, a equipe tem três de vantagem sobre o América-MG, atual vice-líder. Mas esta diferença para o segundo colocado já foi de dez pontos, há poucos dias. Para o Guarani, o triunfo foi o terceiro consecutivo. A equipe de Campinas chegou aos 34 pontos e voltou a brigar por uma vaga no G-4. Atualmente é o 10º colocado.

A noite deste sábado foi de homenagens. Os jogadores da Chapecoense entraram em campo com uma faixa em alusão ao trágico acidente com o avião da LaMia, que culminou com a morte de boa parte da delegação do clube catarinense em 2016. Neste domingo, a tragédia completará quatro anos.

O Guarani apostou em uma marcação pressão para anular as principais armas da Chapecoense e ser superior durante todo o primeiro tempo. O time bugrino mostrou estar mais concentrado e abriu o placar aos 13 minutos. Júnior Todinho fez boa jogada pela esquerda e cruzou. Arthur Rezende aparece nas costas de Busanello para pegar de primeira e estufar o gol defendido por João Ricardo.

A Chapecoense sentiu o gol e começou a dar espaço para o Guarani, que ampliou aos 29 minutos. Após cobrança de escanteio, ensaiado durante os treinamentos, Victor Ramon contou com um desvio na primeira trave para aparecer livre de marcação e deixar o seu.


+ Grávida do quinto filho, influenciadora morre aos 36 anos
+ Após assassinar a esposa, marido usou cartão da vítima para fazer compras e viajar com amante

E o Guarani poderia ter ido para o intervalo com uma vantagem ainda maior. Aos 38 minutos, Arthur Rezende exigiu grande defesa de João Ricardo. A Chapecoense, que até então fez um de seus piores primeiros tempos na competição, respondeu com Anselmo Ramon. O atacante, dentro da área, mandou por cima.

No segundo tempo, a Chapecoense “acordou”, chegou a equilibrar as ações, mas não conseguiu pressionar o Guarani, que continuou encurtando os espaços do rival e foi administrando a vantagem. A chance mais perigosa, inclusive, foi da equipe campineira. Bruno Sávio recebeu na área, cortou para o pé direito e bateu de chapa. João Ricardo fez a defesa com a mão trocada.

Em vantagem, o Guarani começou a marcar atrás da linha do meio-campo e chamou a Chapecoense para o seu campo de defesa. O clube catarinense teve a posse de bola, chegou a trocar muitos passes, mas não conseguiu a infiltração e pouco deu trabalho para o goleiro Gabriel.

Na próxima rodada, o Guarani visita o Náutico na terça-feira, às 19h15, no estádio dos Aflitos, em Recife (PE). No mesmo dia, às 21h30, a Chapecoense recebe o Cuiabá na Arena Condá, em Cuiabá (MT).

FICHA TÉCNICA:

GUARANI 2 x 0 CHAPECOENSE

GUARANI – Gabriel; Cristovam, Victor Ramons (Didi), Bruno Silva e Eliel (Erick Daltro); Marcelo, Arthur Rezende e Murilo Rangel; Pablo (Renanzinho), Junior Todinho (Giovanny) e Bruno Sávio (Rafael Costa). Técnico: Felipe Conceição.

CHAPECOENSE – João Ricardo; Ezequiel (Matheus Ribeiro), Joilson, Luiz Otávio e Busanello; Willian Oliveira, Ronei (Aylon), Alan Ruschel e Denner (Felipe Garcia); Paulinho Moccelin (Mike) e Anselmo Ramon (Perotti). Técnico: Umberto Louzer.

GOLS – Arthur Rezende, aos 13, e Victor Ramon, aos 29 minutos do primeiro tempo.

CARTÕES AMARELOS – Marcelo e Victor Ramon (Guarani); Ezequiel e Mike (Chapecoense).

ÁRBITRO – Pablo Ramon Gonçalves Pinheiro (RN).

RENDA E PÚBLICO – Jogo sem torcida.

LOCAL – Estádio Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas (SP).

Veja também

+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel